Vice-governador participa de audiência pública sobre planejamento

O vice-governador Luciano Cartaxo, juntamente com o secretário de planejamento e gestão Ademir Alves de Melo, e os deputados estaduais Leonardo Gadelha e Jeová Campos, participaram, hoje (15), de audiência pública para elaboração do Plano de Reconstrução da Paraíba 2010, acontecida em Sousa. Cerca de 150 pessoas, representando sindicatos, associações comunitárias e outras entidades de 15 cidades da região participaram do evento, que tem o objetivo de discutir e apontar prioridades para inclusão de obras e ações nos planejamento do governo estadual.

Além do Plano da Reconstrução 2010, que prevê ações mais emergenciais, o debate envolveu, também, o Plano de Desenvolvimento Estratégico 2011/2025, que contempla ações sustentáveis a serem executadas a longo prazo. Representantes da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Associação Comercial, Sebrae e Sindicato das Empresas entregaram um documento sugerindo a construção de um agrocentro, de um aeroporto regional e de um campus da Universidade Estadual da Paraíba na cidade, além da conclusão do projeto das várzeas de Sousa.

Integrantes da União Regional das Associações Comunitárias e de uma cooperativa de produção de coco propuseram a construção de ginásios de esporte e escolas estaduais, além de obras como pontes e passagens molhadas. “Algumas dessas reivindicações poderão ser realizadas mais rapidamente. Outras, de caráter estruturante, necessitam de mais tempo para serem feitas. O fundamental, entretanto, é a efetiva participação da população nas discussões sobre o planejamento do Estado, o que reflete a preocupação do Governo em democratizar as ações”, afirmou o vice-governador. 

O secretário Ademir Alves de Melo também destacou a importância da participação popular na elaboração do plano de reconstrução da Paraíba. “Principalmente no que se refere à construção do Plano de Desenvolvimento Estratégico 2011/2025, o povo paraibano tem muito a contribuir. Neste planejamento, estão incluídas ações que deverão ser continuadas pelos próximos governos estaduais e, por isso, é de vital importância a participação popular”, acrescentou.

 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.