Vereadores da capital aprovam LDO com 82 emendas

Com 82 emendas, a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) foi aprovada, hoje à tarde, durante a última sessão deliberativa antes do início do recesso parlamentar. Do total de emendas, seis são oriundas das Comissões de Saúde e Constituição Participativa. Os 21 vereadores fizeram, na ocasião, esforço concentrado e limparam toda a pauta de votação prevista.
 
A LDO prevê, além de metas e ações na administração direta e indireta, concursos públicos, ainda para este ano, nas áreas de saúde, para o magistério, Guarda Municipal e STtrans-JP. A sessão deliberativa durou quase seis horas e, no plenário, os parlamentares se revezavam na tribuna para fazer questionamentos, opinar e debater os projetos de lei e requerimentos que estavam na pauta.
 
A LDO foi a última matéria a ser votada. O relator da matéria, vereador Jorge Camilo (PT), ocupou a tribuna da Casa para lê seu relatório, sendo aparteado e elogiado, pela forma como conduziu o processo, por vários vereadores, como Fernando Milanez (PMDB), líder da oposição; Tavinho Santos (PTB); Raíssa Lacerda (DEM); Sandra Marrocos (PSB); Bruno Farias (PPS), líder governista, entre outros.
 
Na sua explanação, Camilo lembrou o trabalho árduo, como relator, para analisar cada uma das emendas, levando em consideração a questão jurídica e constitucional.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.