Vereador de São Bento é preso pela PF com 10kg de pasta de cocaína

Na noite de ontem, agentes da Polícia Federal (PF) em Maceió, Alagoas prenderam duas pessoas acusadas de tráfico. Uma delas é o vereador Pedro Eulâmpio da Silva Filho, de São Bento, sertão paraibano. O outro suspeito, o caminhoneiro E.F.A, não teve o endereço revelado. Com os homens, a polícia encontrou 10kg de pasta-base de cocaína.

De acordo com o delegado Maurício Coelho da Rocha, foi recebida de Brasília a informação de que nesta noite uma entrega da droga seria realizada em Maceió. O produto teve como ponto de partida Foz do Iguaçu, no estado Paraná.

Interceptação – Segundo ele, diante da informação recebida, os policiais encaminharam-se imediatamente à Avenida Fernandes Lima. "Nós identificamos o caminhão onde estaria a pasta e chegamos na hora do repasse. Não sabíamos da existência do receptador, que seria o parlamentar da Paraíba, quanto a isso foi uma surpresa"- relata o delegado Maurício. O vereador estava em um veículo modelo Gol.

Ele também afirma que "por enquanto, não se pode apresentar maiores detalhes a respeito do caso, pois as investigações continuam e novas prisões podem ocorrer a qualquer momento".

Histórico do vereador preso – Pedro Eulâmpio da Silva Filho está no segundo mandato, é filho do ex-prefeito da cidade, Pedro Eulâmpio da Silva, e irmão do deputado estadual Márcio Roberto da Silva.

Em 2002, o acusado foi presidente da Câmara de Vereadores.

Pedro está recolhido na carceragem da sede da superintendência da Polícia Federal em Alagoas, no bairro de Jaraguá.

Gazetaweb.com

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.