Veneziano e Rômulo se encontram na posse da CDL

O vice-governador Rômulo Gouveia (PMDB) e o prefeito de Campina Grande Veneziano Vital do Rego (PMDB) tiveram posturas e discursos distintos, durante a posse do presidente reeleito da Associação Comercial e Empresarial de Campina Grande, empresário Luis Alberto Leite. A solenidade, com a presença dos dois, que ficaram quase lado a lado, na mesma mesa, ocorreu na noite de ontem, no auditório da entidade.

O primeiro a falar foi o presidente reeleito, que agradeceu a presença das autoridades e empossou, também, os demais diretores da Associação. Em seguida, ao falar aos presentes, o vice-governador Rômulo Gouveia aproveitou para criticar o ex-governador José Maranhão. Rômulo lembrou que o governo anterior “não honrou os compromissos com os servidores da Universidade Estadual da Paraíba, ao não promover o repasse do duodécimo”.

Ele afirmou que os salários dos servidores da UEPB tinham sido pagos na própria quinta-feira, pelo governador Ricardo Coutinho (PSB). “Da mesma forma, ocorreu com a produtividade dos profissionais da saúde do Hospital Regional de Emergência e Trauma. Hoje, o governador determinou o pagamento da categoria, já que o governo anterior não honrou os compromissos”.

Depois de Rômulo, Foi a vez de Veneziano falar. Ele iniciou dizendo que está torcendo para que o governo de Ricardo Coutinho dê certo. “Torço pelo governo. A oposição pode, perfeitamente, existir forte, combativa, mas com um governo que dê certo. O importante e fundamental é destacar que os agentes políticos precisam começar o ano de 2011 com os espíritos desarmados. Se não, vamos continuar com o mesmo um puxa de lá e outro puxa de cá”, disse.

Ele afirmou que vai buscar uma audiência com o novo governador, sem impor condições. “Somos sabedores de que um governador tem mil e uma atribuições. Então, deixemos o novo governador à vontade para definir uma data, mas sempre sabendo que é necessário e importante que o encontro seja breve, para que possamos discutir parcerias em nome da cidade”.

Veneziano finalizou o discurso dizendo que está aberto às parcerias com o novo governo e que está confiante na atuação dos novos entes políticos que saíram vencedores das eleições do ano passado. “Estamos e sempre estaremos abertos às parcerias. Renovo a confiança no novo governo que se instala e na atuação dos novos parlamentares. E, repito, nós precisamos desarmar os espíritos. O taco a taco já se encerrou. Não há mais sentido manter o clima de campanha”.

Neste momento, Veneziano foi aplaudido pelos presentes – inclusive pelo próprio vice-governador Rômulo Gouveia. Ao retomar a palavra, o presidente Luis Alberto concordou com o prefeito campinense. “Esta solenidade valeu a pena pelo seu discurso, prefeito. A eleição acabou no dia 31 de outubro. Agora, somos uma só Paraíba”.

A posse foi encerada com um coquetel, servido aos presentes. Dentre os que acompanharam as falas de Rômulo e de Veneziano estavam o Senador eleito Vital do Rego Filho, Vitalzinho; o presidente reeleito do Sebrae-PB, Júlio Rafael, o vice-presidente da Junta Comercial da Paraíba, Ivanhoé Cunha Lima; o novo Secretário de Indústria e Comércio do Estado, Marcos Procópio; os Secretários de Desenvolvimento Econômico e de Obras e Serviços Urbanos de Campina Grande, Gilson Lira e Alex Azevedo, respectivamente, dentre outros.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.