Veneziano anuncia parceria com Estado para revitalizar a Cande, teatro e cine

Ao participar da solenidade de inauguração da fábrica de calçados Tess (Kenner), em Campina Grande, no início da tarde desta sexta-feira, 20, o prefeito Veneziano Vital do Rêgo anunciou esforços conjuntos entre Prefeitura e Estado para a revitalização de uma das mais tradicionais Indústrias da cidade e da Paraíba – A produtora de tubos Cande, bem como informou que na próxima semana será celebrado convênios importantes entre os Poderes para reformas no Teatro Municipal Severino Cabral e no antigo Cinema São José.
 
Somente na indústria Tess, estão sendo gerados cerca de 300 empregos diretos, com possibilidade desse número quadruplicar em poucos anos. Diversas autoridades prestigiaram o ato inaugural, exemplo do Governador do Estado, José Maranhão; a Secretária da Interiorização, Ana Cláudia Vital do Rêgo; o presidente da FIEP, Francisco Gadelha; o diretor de Negócios da Tess, José Eduardo Carmagnani, entre outros diretores da empresa, que tinha foco apenas no Sudeste brasileiro, além das presenças de secretários estaduais e municipais e vereadores.
 
Na ocasião, o governador José Maranhão assinou Protocolo de ampliação para a criação de mais 1.250 empregos diretos junto à empresa calçadista Tess – Indústria e Comércio Ltda, que está instalada na antiga indústria ‘Cirne’, na Avenida João Wallig, no Distrito Industrial de Campina Grande.
 
Em entrevista, o prefeito lamentou que alguns poucos tenham dito que o Governo Maranhão ainda não tinha nascido para Campina: “É pura maldade, pois em nove meses de administração, tivemos uma abertura que antes não existia com o Governo do Estado, tivemos a volta dos repasses da Farmácia Básica e do Samu por parte do Estado, temos as obras do Hospital do Traumas, saneamento e esgotamento de vários bairros e vamos nos unir nas reformas do Teatro Municipal e do antigo Cine São José. São críticas de quem sempre deram às costas para Campina e se aproveitam dela apenas em períodos eleitoral, Mas Campina sabe do nosso compromisso com o seu desenvolvimento”, destacou o prefeito.
 
Em discurso, o prefeito disse que a Tess não se instalava em Campina Grande por acaso: “Ela e tantas outras, como o Makro, o Atacadão Carrefour, a C&A, a Marisa, dentre outras, sabem que Campina é uma nova cidade a partir de 2005. E falo isso tranquilamente quando todos vocês sabem que a Gazeta Mercantil, a Revista Você S/A e a Fundação Getúlio Vargas, e a Federação das Indústrias do Rio de Janeiro apresentaram pesquisas apontando Campina como uma das cidades mais prósperas do país em termos de desenvolvimento econômico, com mão de obra especializada em tecnologia e com equilibro nas suas contas públicas”.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.