TSE nega troca de foto de Roriz pela da mulher nas urnas

Para não colocar em risco a credibilidade do sistema eleitoral, o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) negou pedido para se trocar, nas urnas, a foto de Joaquim Roriz pela da mulher, Weslian (PSC), atual candidata ao governo do Distrito Federal.

Assim, os eleitores do DF que vão votar em Wesliam, no próximo dia 31, verão na urna eletrônica, como no primeiro turno, o rosto do marido dela, Joaquim Roriz. A candidatura dele foi barrada pela Lei do Ficha Limpa.

Weslian disputa o segundo turno com o petista Agnelo Queiroz, que lidera todas as pesquisas de intenção de voto.

O pedido da coligação de Roriz foi negado por unanimidade. Segundo os ministros do TSE, a troca não seria simples. A negativa tem como base questões de informática.

Primeiro, teria que se reinicializar todos os sistemas, inclusive rompendo os lacres dos equipamentos, o que poderia comprometer 5 mil urnas.

O departamento de informática do tribunal eleitoral alertou ainda que a eventual troca poderia comprometer a apuração, com significativas falhas.

"Não se trata de uma mera fotografia. Colocaríamos em risco toda a credibilidade do sistema", disse o presidente do TSE, Ricardo Lewandowski.

 

Folha Online

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.