TJPB revisa plano estratégico e redefine metas para gestão

Avançar com ações que visam colocar em prática a teoria exposta a magistrados e diretores do Poder Judiciário da Paraíba será o próximo passo do Tribunal de Justiça da Paraíba que, com apoio da empresa de consultoria 3GEN, promoveu nos dias 18 e 19  um Workshop direcionado à  revisão do Planejamento Estratégico do Tribunal do Estado, como forma de garantir dinamismo à maquina administrado do Judiciário paraibano. O evento foi realizado na Escola Superior da Magistratura (Esma), na Capital. 
 
O trabalho começa a partir de um projeto piloto que tem como objetivo primeiro a revisão do planejamento estratégico do Tribunal de Justiça, para o período de 2013 a 2018, com a geração de um novo mapa de objetivos estratégicos, lista de indicadores, metas e projetos estratégicos. O segundo objetivo do projeto piloto é a implementação de um escritório de gerenciamento de projetos.
 
A presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, desembargadora Fátima Bezerra Cavalcanti, informou que o projeto em questão está relacionado ao cumprimento de metas propostas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para todos os Tribunais de Justiça do país, as quais deverão se cumpridas até o término do trabalho.  
 
A presidente ressaltou que a expectativa é  transformar o Tribunal de Justiça da Paraíba em uma instituição ainda mais humana, eficaz e confiável para o jurisdicionado. “Por  outro lado, esse esforço visa promover a valorização dos nossos servidores e magistrados, por meio de melhoria na qualidade de vida e na segurança, além do desenvolvimento de competências e a promoção de um ambiente de trabalho desafiador e motivador”, revelou.
 
Para garantir sucesso nesse empreendimento, principalmente do ponto de vista didático, foi necessário a realização de um Workshop dirigido aos magistrados e diretores do Poder Judiciário, segundo explicou a presidente Fátima Bezerra. “É um trabalho diferenciado, direcionado a um pequeno grupo de profissionais responsáveis pela linha de frente do Tribunal”, acrescentou.
 
Esse esforço é fruto de um trabalho iniciado em dezembro de 2012, ocasião em que coincidentemente a  desembargadora Fátima Bezerra Cavalcanti coordenou a penúltima revisão periódica do Plano Estratégico do TJPB. Na oportunidade, o  evento reuniu mais de 200 servidores e cerca de 100 magistrados, segundo informações prestadas  por Falbo Abrantes e Virgínia Carla, respectivamente diretor e gerente da Diretoria de Gestão Estratégica do Tribunal. “O trabalho que hoje está sendo tocado é resultado do esforço iniciado em 2012”, lembrou Falbo Abrantes.
 
“Melhoria da prestação jurisdicional”
 
O projeto também foi avaliado pelo consultor Rodrigo Martins, da 3GEN, que falou da importância de um tribunal realizar um levantamento estatístico, para conhecer melhor sua estrutura e poder aplicar, em seguida, um plano de gestão capaz de garantir dinamismo ao poder judiciário que, em última análise, visa oferecer ao público serviço ágil e de qualidade. 
 
Rodrigo Martins informou que o próximo passo do Plano Estratégico do Tribunal é conhecer melhor os desafios relacionados ao atendimento de seus jurisdicionados. “Mais do que isso, vamos avançar na relação entre o Tribunal e demais entes públicos, órgãos oficiais, entidades não governamentais e a sociedade em geral”, ressaltou.  
 
Opinião semelhante foi externada pelo também consultor da 3GEN, Roberto Campus. Ele  explicou que, em resumo, o Planejamento Estratégico tem o objetivo de discutir e traçar metas para o judiciário estadual, para os próximos cinco anos. Ele acrescentou que o  debate ocorre em torno de uma revisão do Mapa Estratégico que o TJPB já possui. “Depois de um tempo, é natural que um Plano seja revisado. E o diferencial desse é que estamos fazendo a partir do pensamento da base sobre as prioridades institucionais”, observeou. 
 
Roberto Campos explicou também que, a partir das informações colhidas entre magistrados e servidores do TJPB em evento de alinhamento, os organizadores então definem o mapa, que é um mecanismo que auxilia a visualização dos objetivos da instituição em diversas perspectivas.
 
A workshop sobre a validação do novo Plano Estratégico do Tribunal de Justiça da Paraíba foi realizada na Escola Superior da Magistratura (Esma), em João Pessoa, no período de 18 a 20 de fevereiro. Nas próximas oito semanas serão projetadas as metas numéricas e os programas da gestão, além da implementação do Escritório de Projetos.
 
Correio da Paraíba

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.