Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Temer admite `golpe’ contra a ex-presidente Dilma Rousseff

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O ex-presidente da República, Michel Temer, usou o termo ‘golpe’, durante entrevista na noite de ontem (16) ao programa Roda Viva, para se referir ao impeachment de Dilma Rousseff, de quem era vice, em 2016. Durante a entrevista a TV Cultura, Temer usa na maioria das vezes o termo “impedimento” para se referir ao processo de afastou e retirou a petista da Presidência da República. Mas, em ao menos dois casos, ele a usa palavra ‘golpe’, em uma delas, é questionado imediatamente pelo jornalista Ricardo Noblat.

“Eu não poderia ser o articulador de um golpe, porque chegaria muito mal ao governo”, diz Temer. “Vê-lo chamar aquilo tudo de golpe é muito interessante depois de tê-lo visto sendo sido acusado de golpista o tempo inteiro”, rebate Noblat.

A conversa ocorre na segunda metade da entrevista e começa por volta do minuto 52, quando Ricardo Noblat relembra o episódio do telefonema de Dilma para o ex-presidente Lula, quando ele estava prestes a ser nomeado ministro da Casa Civil de sua sucessora. O áudio se tornou público depois que o então juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato na primeira instância, retirou o sigilo do material colhido pela Polícia Federal com interceptações telefônicas de Lula.

Noblat questiona se na ocasião Temer estava disposto a colaborar para evitar o impeachment. Anteriormente, o ex-presidente já havia usado a palavra ‘golpe’. “O senhor se referiu já a essa questão como golpe, o senhor acha que foi um golpe?”, pergunta o jornalista. “Só se eu entender que a Constituição faz previsão expressa de golpe”, afirma Temer, no começo de sua resposta.

Com Congresso em Foco

 

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

UEPB: uma crise democrática

Confusão continua: TRE nega ter chancelado posse de Raissa Lacerda na Câmara

Anteriores

quais-os-salarios-e-beneficios-para-todos-os-cargos-da-policia-civil-da-paraiba-concursos-2022

Operação da Polícia Civil da Paraíba prende quadrilha especializada em extorsão

Priscila e Ramonilson (1)

Baronesa lança pré-candidatura em Patos e Ramonilson fala em ‘compromisso não honrado’

PSDB candidaturas femininas

PSDB amplia bases para eleições municipais e aposta em pré-candidaturas femininas na PB

Prisão, cadeado

Polícia Civil prende investigado por participar do assassinato do tio

Polícia Civil JP

Preso foragido do Rio que manteve família refém em JP durante assalto

Furto agências bancárias

Polícia Civil e PRF prendem investigados por furto de computadores de agências bancárias na Paraíba, PE e RN

Sandra Marrocos 2

Sandra Marrocos deixa cargo no Ministério das Mulheres para assumir pré-candidatura

CMJP 2023

Agenda da Câmara esta semana tem votação da LDO, debates e entrega de honrarias

Dinheiro 2

Caixa libera abono do PIS/Pasep para nascidos em julho e agosto

João Azevêdo close

João apresenta investimentos do Governo com recursos de emendas parlamentares estaduais