Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

TCU arquiva processo contra Cícero Lucena

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O senador Cícero Lucena Filho (PSDB) teve arquivado, pelo Tribunal de Contas da União, um processo relativo à sua gestão como prefeito de João Pessoa. O Processo nº TC 021.108/2005-7 diz respeito à tomada de conta especial de obra realizada pela segunda administração de Cícero na área de infra-estrutura do transporte coletivo da Capital.

De acordo com o Diário Oficial da União, em sua edição desta sexta-feira, 26, o TCU arquivou o processo porque não encontrou, na Tomada de Contas Especial, indício de irregularidade na obra. Além das contas da própria prefeitura, foram também analisadas pela corte documentos das empresas Coesa Engenharia Ltda. e Coeng Construcao e Engenharia Ltda, responsáveis pela execução do projeto.

A obra tinha valor total de R$ 1.020.000,00, sendo R$ 1.000.000,00 proveniente do Governo Federal e R$ 20.000,00 oriundos da contrapartida municipal.

O sobrepreço inicialmente apontado, de R$ 203.635,53, após a análise das alegações de defesa, foi revisto pela Secex/PB para R$ 98.161,50. Para apurar o sobrepreço, a unidade técnica partiu da análise de uma amostra de R$ 747.998,12 – 73,33% do total pago – composta de diversos itens de custos e insumos da obra.

“Em minha opinião o fato de a metodologia utilizada na escolha de tal amostra não ter sido explicitada pela unidade técnica, impossibilita a plena convicção da existência de sobrepreço”, afirmou o ministro Augusto Nardes, relator do processo, que votou pelo arquivamento da denúncia.

Após acurada investigação, a Secretaria de Controle Externo no âmbito da Paraíba, os valores contratados e pagos pela obra não apresentaram irregularidades e se mantiveram de acordo com os preços de mercado e com a qualidade da execução dos serviços.

Procurado para falar sobre o assunto, o senador Cícero Lucena limitou-se a manifestar sua satisfação por mais este resultado no âmbito judicial e renovou sua fé na justiça dos homens e, principalmente, na divina. "Vamos vencer novas batalhas, porque Deus está a nosso lado e temos a consciência do dever cumprido, tendo sempre honrado a confiança do povo em nosso trabalho", declarou. 

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Exaustão, sobrecarga… por que não reconhecemos os nossos limites?

Presidente do PT é acusado de cometer etarismo contra Luiz Couto

Incidente no Restaurante Garden: entenda o que realmente aconteceu

Anteriores

saloario50ab

João Azevêdo anuncia pagamento da primeira parcela do 13º e o salário de maio

joaobelga

Paraíba terá Centro de Distribuição e fábrica de esquadrias de PVC de empresa da Bélgica

Artêmio Picanço, advogado

Advogado considera “surreal” decisão da Justiça da Argentina pela prisão domiciliar de Antônio Neto; veja

Igreja Matriz de Monteiro

Polícia procura mulher suspeita de furtar dinheiro de ofertas da Igreja Matriz, de Monteiro

PF Operação Rescue

Operação da PF prende homem por armazenar imagens de abuso sexual de crianças

Concurso, freepik 1

MP recomenda retificação de edital do concurso para Guarda Civil de Santa Rita

PF operação Pombo, Objetos encontrados em casa de funcionários dos correios

PF investiga desvio de encomendas dos Correios e apreende objetos em casa de servidor

João Pessoa linda demais, secom pb

João Pessoa é destaque entre os Top 10 Destinos de Viagem para o mês de julho

Fábio Andrade, procurador-geral do Estado

Estado aprova lista de acordos diretos de precatórios com 593 propostas e R$ 78 milhões

Sérgio Moro 22

Por unanimidade, TSE rejeita cassação do mandato de Sergio Moro