Tayrone nega ameaça de prisão e diz que polícia já desmentiu episódio da festa

O prefeito de Sousa, Fábio Tayrone, manteve um contato com a reportagem do Parlamentopb no início da tarde de hoje para desmentir a informação veiculada pela imprensa local de que ele teria sido abordado junto com o secretário de Infraestrutura, Gerlano Linhares, e mais os convidados para a festa que era realizada na casa de Gerlano, que comemorava seu aniversário com um forró.

De acordo com as informações do blog do radialista Mário Gibson, os vizinhos, incomodados com o barulho da comemoração, teriam acionado a Polícia, que teria ido ao local para dar voz de prisão a todos os participantes do evento.

Fábio Tayrone, contudo, negou que a abordagem policial tenha ocorrido da maneira como foi noticiado: "Não houve nenhuma ameaça de prisão. Sequer houve incômodo aos vizinhos. O som não era mecânico, era apenas um trio pé de serra. Eu gosto de zabumba e estava tocando, mas não passamos das 22 horas e nem fizemos qualquer perturbação. O que houve é que um dos policiais, sabendo que eu estava lá, resolveu parar para pedir que a Prefeitura calçasse a rua onde o pai dele morava. Foi apenas isso. O fato acabou sendo distorcido, mas o próprio policial já telefonou às rádios da região contando o que de fato aconteceu", explicou.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.