Estado deve pagar R$ 25 mil por abusos praticados por policiais da Rotam

  A Quarta Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba negou provimento à Apelação Cível  interposta pelo Estado da Paraíba contra sentença prolatada