Candidaturas de negros crescem, mas partidos continuam com maioria de brancos

O número de candidatos negros (soma de pardos e pretos, segundo critério do IBGE) cresceu em 2018 na comparação com 2014, mas esse grupo