Weintraub compartilha mensagem que chama Bolsonaro de traidor, mas depois apaga

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, compartilhou, nas redes sociais, críticas ao presidente Jair Bolsonaro pela sanção da figura do “juiz de garantias”, incluída