Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

STF tem maioria para tornar Janones réu por postagens contra Bolsonaro

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) votou nesta sexta-feira (14) para tornar réu o deputado federal André Janones (Avante-MG) pelo crime de injúria contra o ex-presidente Jair Bolsonaro.

A Corte julga em plenário virtual uma queixa-crime apresentada pela defesa de Bolsonaro contra postagens feitas por Janones nas redes sociais.

Em uma publicação no dia 31 de março de 2023, Janones chamou Bolsonaro de “miliciano” e “ladrão de joias”. Em 5 de abril, o parlamentar se referiu ao ex-presidente como “assassino que matou milhares na pandemia”.

Ao analisar o caso, a ministra Cármen Lucia, relatora do caso, entendeu que as falas de Janones não podem ser consideradas como imunidade parlamentar. Pelo Artigo 53 da Constituição, os parlamentares são invioláveis civil e penalmente por quaisquer de suas opiniões, palavras e votos.

“As afirmações feitas pelo querelado e tidas como ofensivas pelo querelante não foram feitas em razão do exercício do mandato parlamentar, nem têm com ele pertinência”, escreveu a ministra.

O voto de Cármen Lúcia foi seguido pelos ministros Alexandre de Moraes, Edson Fachin, Flávio Dino, Gilmar Mendes, Nunes Marques e Luís Roberto Barroso.

Os ministros Cristiano Zanin, Dias Toffoli e André Mendonça votaram pela rejeição da queixa-crime por entenderem que as declarações de Janones estão acobertadas pela imunidade parlamentar.

Para Mendonça, cabe ao Congresso analisar a eventual quebra de decoro de Janones.

“O afastamento da imunidade exige que as falas do parlamentar não guardem absolutamente qualquer relação com seu mandato e que, além disso, também não tenham sido proferidas em razão dele”, afirmou Mendonça.

Defesa

Na defesa apresentada no processo, os advogados de Janones defenderam a rejeição da queixa-crime e afirmaram que as declarações do deputado tiveram somente a intenção de criticar e ironizar, não se tratando de conduta ofensiva. Além disso, a defesa alegou que as declarações estão acobertadas pela imunidade parlamentar.

“Certamente as declarações feitas pelo querelado relacionadas aos termos ladrão de joias, ladrãozinho de joias e bandido fujão correspondem exatamente a todos esses acontecimentos envolvendo o querelante, num tom extremamente jocoso, com o intento de criticar as condutas ilícitas praticadas pelo ex-presidente da República”, afirmou a defesa.

A Agência Brasil entrou em contato com gabinete de Janones e aguarda retorno.

 

 

 

Por Agência Brasil

Foto: Renato Araújo/Câmara dos Deputados/Arquivo

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Taioba Discos inaugura primeira loja física em JP com Soft Opening exclusivo

Banco do Nordeste nomeia novo superintendente na Paraíba

Prefeito paraibano fala de “infelicidade” de ter filhos autistas e servidora acrescenta: “São doidos”

Anteriores

WhatsApp Image 2024-07-23 at 18.03.33

Agência Francesa: Cícero e Dinho assinam termo para empréstimo de 55 milhões de euros

In this photo illustration being displayed one hundred and two hundred reais bills and a one reais coin highlighted. The Real is the current money in Brazil.

Pesquisa revela que 40% dos paraibanos estão inadimplentes

Mariana-Thomaz

Pena de Johannes Dudeck é aumentada para 34 anos e seis meses

Corrida-do-Bob-Esponja-acontecera-no-dia-28-de-jul0017396700202407150610-3

Imagineland 2024 terá ônibus gratuito para transporte do público, em João Pessoa

aaaa

Criança de 4 anos morre atropelada por caminhão após descer de van, na rodovia PB-073

1280x962-20230626174815-Inscrições para o Prouni começam nesta terça-feira

Inscrições para processo seletivo do Prouni começam nesta terça

Foto - Cofeci Refoma Tributária Comissão

Reforma tributária: Presidente do Cofeci celebra conquista histórica

Gervásio e o prefeito de Mataraca, Egberto Madruga

Gervásio Maia participa de reunião na Sudene e destaca aprovação de financiamento

João Pessoa empregos

Ministério do Turismo inclui João Pessoa e Campina entre as Cidades Criativas do Brasil

OAB, vaga de desembargador

OAB-PB registra 21 candidaturas nas eleições para desembargador do TJ; confira a lista