Sindifisco repudia “ação policial desnecessária” contra Biu Fernandes

A Diretoria do Sindifisco da Paraíba emitiu uma nota para se solidarizar com o ex-deputado estadual Biu Fernandes, de 78 anos, que foi abordado ontem de manhã por policiais militares em Patos quando estava portando uma faca peixeira. O ex-parlamentar alegou que foi agredido pelos policiais porque se recusou a entregar a faca. Já os PMs disseram que foram desacatados pelo idoso.

Confira a nota:

A Diretoria do Sindifisco-PB presta total solidariedade ao auditor fiscal aposentado, Benedito Alves Fernandes (Biu Fernandes), alvo de uma ação policial desnecessária, ocorrida na manhã desta terça-feira (11), na cidade de Patos.

Biu Fernandes é ex-presidente do Sindifisco-PB, ex-coletor e ex-prefeito do município de Catolé do Rocha, ex-deputado estadual, além de professor aposentado da UFPB. Por tudo isso, por ser idoso (quase 80 anos), por ser um cidadão pacato e, independentemente das funções relevantes que ocupou, Biu Fernandes deveria ter sido tratado com a dignidade e o respeito que ele merece.

Assim sendo, foi totalmente desnecessário o emprego da força e a tentativa de algemar quem não ofereceria nenhum perigo à ordem pública.

Por fim, esperamos das autoridades competentes a rigorosa apuração dos fatos.

A Diretoria

Leia mais:

Desarmado pela PM, ex-deputado presta queixa por abuso e diz que “peixeira não é arma”

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.