Sindicato dos médicos propõe ponto facultativo para funcionárias grávidas

O Sindicato dos Médicos do Estado da Paraíba vai propor ao município de João Pessoa e ao governo do estado, que determine o ponto facultativo das funcionárias gestantes nas repartições públicas, principalmente nos hospitais e unidades de saúde, medida que seria estendida, segundo a proposta, a funcionárias estatutárias e terceirizadas.

"A medida trará, com certeza, uma segurança maior no que diz respeito a evitar a possibilidade de contaminação com vírus da gripe H1N1. Acredito que qualquer medida preventiva, especialmente neste caso, onde estão em jogo duas vidas, é necessária para evitar um prejuízo maior. Estaremos divulgando também nos hospitais o protocolo do Ministério da Saúde com ações preventivas e de esclarecimento", explicou Tarcisio Campos, presidente do Simed da Paraíba.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.