Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Sergio Moro cogita renunciar e ir embora do Brasil

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Sérgio Moro (União Brasil) pode renunciar ao mandato de Senador. O parlamentar está cogitando se antecipar a uma possível cassação de seu mandato e fazer um movimento para se declarar como perseguido político no Brasil. O ex-ministro da Justiça de Jair Bolsonaro (PL) sondou amigos e aliados que moram nos EUA na busca por um emprego, que lhe garantiria a permanência no país americano.

Uma pessoa do núcleo duro de Moro confirmou a informação recebida pela coluna no fim da tarde da última quarta-feira (17). “A notícia procede, mas estamos tratando internamente e com sigilo”, afirmou o aliado do senador. A coluna recebeu de uma fonte que Moro foi aconselhado por um importante cacique político logo após a decisão do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) de cassar o mandato do deputado federal Deltan Dallagnol (Podemos).

“Ele sabe que vai ser cassado, então precisa controlar a narrativa. Ficar gritando que foi injustiçado resolve? Talvez, mas só para um grupo. O movimento de renúncia e denunciar que é perseguido político para o mundo dá certo”, teria dito o líder partidário ao senador. “O melhor exemplo é o Jean [Wyllys] que vendeu para o mundo todo que o Brasil vivia com a democracia contaminada”.

A princípio, Moro rejeitou a ideia e teria dito que não é homem de fugir da luta. Mesmo assim, seus principais assessores lembraram que não há caminho para a vitória judicial e que ele deve mesmo ser cassado. “Vale a pena virar uma voz de rede social?”, teria questionado um importante aliado. Pessoas próximas articularam conversas com americanos, que garantiram bons empregos para o ex-juiz no país, o que fez com que ele passasse a cogitar a ideia.

“Existe a problematização da esposa. Ela está muito feliz como deputada e não quer ir embora do Brasil. Mas isso é facilmente contornável”, confirmou a fonte sem explicar qual seria a solução. Questionado se há um prazo para a renúncia de Moro, a resposta foi taxativa. “Quando ele sentir que está emparedado e que é a única alternativa”, respondeu, antes de concluir: “A tendência é que o Moro vire o Jean Wyllys da direita”.

 

 

IG

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Exaustão, sobrecarga… por que não reconhecemos os nossos limites?

Presidente do PT é acusado de cometer etarismo contra Luiz Couto

Incidente no Restaurante Garden: entenda o que realmente aconteceu

Anteriores

Cida Ramos, deputada

Cida Ramos acredita em candidatura própria do PT e diz que está confiante

Adolescente mata os pais e a irmã

Adolescente mata os pais e a irmã em SP por ficar sem computador e celular

Barreira do Castelo Branco

Obras na barreira do Castelo Branco começam hoje e trecho da BR-230 será interditado

Luciano Cartaxo 3

Luciano Cartaxo melhora, mas segue internado em João Pessoa

Ebrahim Raisi

Presidente do Irã morre aos 63 anos em queda de helicóptero

Luciano Cartaxo e Cida Ramos

Executiva Nacional do PT adia mais uma vez decisão sobre eleições em João Pessoa

UFPB-entrada-683x388

Começam hoje inscrições para concurso da UFPB com 21 vagas e salário de até R$ 11 mil

Padre Egídio preso

Justiça realiza hoje primeira audiência de instrução de Padre Egídio e ex-diretoras do Hospital Padre Zé

Rachel Sheherazade 3

A Grande Conquista 2 dá baixa audiência e não lucra, mas Rachel Sheherazade é bem avaliada

Caixa Econômica, Desenrola Brasil

Prazo de renegociação do Desenrola Brasil acaba nesta segunda-feira