Dom Manoel Delson

Dom Manoel Delson cursou Filosofia e Teologia em Nova Veneza (SP) e no Instituto de Teologia da Universidade Católica de Salvador (BA). É licenciado em Letras e tem Mestrado em Ciência da Comunicação Social, em Roma, na Pontifícia Universidade Salesiana. É Arcebispo da Paraíba.


Seguimos o Cordeiro de Deus!

Com o domingo passado, o do Batismo do Senhor, começou o tempo cotidiano do ano litúrgico. O que significa viver com intensidade o Tempo Comum na vida litúrgica da Igreja? O convite desse tempo passa pelo empenho da vida ordinária com Jesus, como caminho de santidade. Isto é, a Igreja nos convida ao crescimento da amizade com o Senhor.

Já neste segundo domingo do Tempo Comum, a liturgia apresenta-nos a característica desse caminho de santidade: seguir o Senhor que é o Cordeiro de Deus. O verdadeiro cristão busca seguir o Cordeiro de Deus também nas coisas mais simples do dia-a-dia. A mais alta alegria dos homens consiste na relação encontrada com o Senhor! “A amizade com o Mestre garante à alma paz profunda e serenidade também nos momentos obscuros e nas provas difíceis. Quando a fé se confronta com noites escuras, nas quais já não se ‘sente’ nem se ‘vê’ a presença de Deus, a amizade de Jesus garante que na realidade nada nos pode separar do Seu Amor (Cf. Rm 8,39)”. Todos estamos passando pela dura prova de uma pandemia que, infelizmente, ceifou precocemente vidas. Perdemos pessoas amadas e não podemos, em hipótese alguma, negar o cuidado integral com a vida humana em nome de uma cultura que supervaloriza o liberalismo econômico e a morte. O Cordeiro de Deus foi levantado na cruz do Calvário para nos dar vida em abundancia.

O caminho da fé é sempre um caminho de continua tomada de passos. Não há fé instantânea, pronta, acabada! Crescemos na fé quando vamos nos alimentando da Palavra de Deus, proclamada e meditada na Missa. A vida comunitária paroquial é um caminho seguro para encontrar o Senhor, e, consequentemente, nos coloca na disposição caritativa em prol dos irmãos e de suas necessidades. O Papa Francisco, ao longo de seu pontificado, tem nos incentivado na busca desse encontro com Jesus: “O Senhor sempre nos precede no encontro. Esta é a grande surpresa do encontro com o Senhor. Ele nos procurou por primeiro. É sempre o primeiro”.

Seguimos o Cordeiro de Deus nas estradas do mundo. Ainda que as grandes tormentas da vida queiram nos desanimar, O Senhor estenderá sua mão para nos salvar. Não podemos parar no meio do caminho, temos a Virgem Maria como fiel intercessora a nos guardar contra o mal e a doença. Façamos deste ano de 2021 um tempo para colher as graças que Deus derrama continuamente sobre a humanidade inteira. Cresçamos na fé! Que o Bom Deus, a quem confiamos inteiramente nossas vidas, nos ajude a caminhar com os corações voltados para o alto, para Ele!

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.