Saúde e Educação iniciam hoje campanha de prevenção do HPV e Meningite C

O câncer de colo de útero é considerado o terceiro tumor mais frequente na população feminina, atrás do câncer de mama e do colorretal. Com objetivo de ampliar a proteção e garantir o cuidado, as Secretarias Municipais de Saúde (SMS) e Educação (Sedec) dão início, a partir desta terça-feira (27),  à Campanha de Vacinação contra o HPV e Meningite C. A abertura será às 9h,  na Escola Municipal Deputado Fernando Paulo Milanez, localizada na rua Alberto de Miranda Henriques, em Gramame.

“Este é um momento de chamamento deste público, de alertar para a importância da imunização e da atualização do cartão do adolescente”, explicou a chefe do setor de Imunização da SMS, Chiara Dantas. Além das ações nas campanhas, as vacinas estão disponíveis durante todo o ano nas Unidades de Saúde da Família (USFs) e também no Centro Municipal de Imunização (antigo Lactário da Torre), que funciona na Avenida Rui Barbosa, S/N, Torre.

A vacina HPV quadrivalente está disponível no SUS desde 2014 e devem ser vacinadas meninas de 9 a 14 anos e meninos de 11 a 14 anos, com esquema vacinal de duas doses, com intervalo de seis meses.  Já a faixa etária de imunização contra a meningite C foi ampliada e passa a ser de 11 a 14 anos. Até o ano passado, eram imunizados apenas meninos e meninas de 12 e 13 anos.

Os adolescentes que tomaram a primeira dose da vacina contra o HPV precisam tomar a segunda dose para a efetiva prevenção. Além dos adolescentes, deverão ser imunizados pessoas de 9 a 26 anos portadores do vírus HIV, transplantados e pacientes oncológicos.

“Muitas doenças comuns no Brasil e no mundo deixaram de ser um problema de saúde pública por causa da vacinação da população, assim como a poliomielite, sarampo, rubéola, tétano e coqueluche. Por esse motivo que reforçamos anualmente a mobilização para a imunização das pessoas”, informou Chiara Dantas.

Dados – No Brasil, são estimados 16 mil casos de câncer de colo do útero por ano e 5 mil óbitos de mulheres associados à doença. Mais de 90% dos casos de câncer anal e 63% dos cânceres de pênis são atribuídos à infecção, principalmente pelo subtipo 16.

Vírus – A Meningite bacteriana causada pelo sorogrupo C corresponde a um grave processo inflamatório das meninges, que são as membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal.

Já o HPV, nas meninas pode levar ao câncer no colo do útero e, nos meninos o vírus pode ocasionar o desenvolvimento do câncer de pênis. O papilomavírus humano, mais conhecido como HPV, possui mais de 100 tipos que podem infectar a pele e as mucosas de homens e mulheres.

Sua principal forma de transmissão é pela via sexual. Alguns tipos do vírus provocam verrugas e pelo menos outros 13 tipos podem produzir lesões com potencial de progressão para o câncer.

Comentários