Ruy: Cássio nunca conversou com Ricardo Coutinho

O presidente municipal do PSDB de João Pessoa, deputado estadual Ruy Carneiro disse hoje estar convicto da permanência de Cássio Cunha Lima (PSDB) no ninho tucano. Ao menos foi isso que Ruy externou ao sair da reunião mantida na manhã desta quarta-feira, 22, com o ex-governador e deputados capitaneados por ele. O encontro aconteceu no apartamento do presidente da Assembléia Legislativa, deputado Arthur Cunha Lima (PSDB), no bairro de Manaíra, em João Pessoa.

"Cássio deixou claro que nunca sequer conversou com Ricardo Coutinho", disse Ruy Carneiro.

Indagado sobre as teses comentadas de suposta aliança de Cássio com o prefeito de João Pessoa, Ruy minimizou o fato: "O que há são pessoas que, de maneira leviana, criam situações que não existem e ficam alimentando a imprensa com essas especulações. Cássio ficará com seu grupo e reafirmou isso durante o encontro com os deputados".

"Ele disse que os nomes de nosso grupo, como os senadores Cícero Lucena e Efraim Morais precisam botar o bloco na rua. Mas, não há dúvida de que Cássio esteja conosco. Nunca, aliás, se cogitou situação diferente", disse Ruy.

Após reafirmar sua disposição de, durante três meses, a partir da segunda quinzena de maio, estudar nos Estados Unidos, Cássio Cunha Lima revelou que continuará numa postura de retração em termos de manifestações públicas de opinião sobre a conjuntura política, mas que pretende fazer um pronunciamento à Paraíba, pouco antes de viajar para o exterior.

"Nós compreendemos a necessidade do ex-governador. Ele ingressou na política muito jovem e não teve tempo de fazer algumas coisas que hoje são fundamentais, como aprimorar o inglês. Enquanto isso, ele não vai perder o contato com seus aliados. Ele sugeriu, por exemplo, que usássemos o skype para continuarmos nos falando", acrescentou o parlamentar.

Participaram da reunião com Cássio, além de Ruy, os deputados tucanos Arthur Cunha Lima, João Gonçalves, Zenóbio Toscano, Ricardo Marcelo, Dinaldo Wanderley, Antonio Mineral, Romero Rodrigues, Pedro Medeiros e Fabiano Lucena (licenciado); Lindolfo Pires, Assis Quintans, Branco Mendes, José Aldemir pelo DEM; Manoel Ludgério e Jacó Maciel, pelo PDT; Nivaldo Manoel (PPS), Aguinaldo Ribeiro (PP). Socorro Marques (PPS) e Ricardo Marcelo justificaram suas ausências ao anfitrião Arthur Cunha Lima. 

O deputado federal Efraim Morais Filho (DEM) e o vereador Bruno Farias (PPS), de João Pessoa, além do ex-presidente do Interpa, advogado Vital Costa, também participaram da reunião.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.