Rodrigo Soares confia na vitória no PT e repudia ameaça de denúncia ao MPE

O deputado estadual Rodrigo Soares declarou ter certeza de sua vitória no processo de eleições diretas do Partido dos Trabalhadores, que será realizado no próximo domingo, 22. Para ele, a campanha caminha para "uma grande festa": "Estamos visitando cada região do Estado e dialogando com os militantes, percebendo a necessidade de renovação do partido. Há grande aceitação da militância. Vamos ser eleitos, mas nesta campanha não há vencidos nem vencedores. Vamos todos construir um PT mais firme e forte".

Indagado pelo Parlamentopb a respeito do que muda em uma eventual gestão sua no PT, Rodrigo declarou: "Precisamos capilarizar mais o partido no interior do Estado, aumentar a participação das mulheres, além da cota de 30%. Queremos que o PT enfrente o desafio de ser governo… e com Rodrigo presidente vamos avançar no diálogo interno, na unidade partidária e fazer com o que o PT possa dialogar com as outras siglas da base de Lula para fazer um palanque único para Dilma Rousseff", declarou.

Denúncias – Rodrigo Soares também comentou a promessa de alguns militantes, a exemplo do candidato a presidente do PT de Campina Grande, Raimundo Cajá, de levar ao Ministério Público Estadual uma denúncia contra o deputado por supostamente ter distribuído cargos com filiados em troca de votos na eleição do PT estadual: "Tem muita gente que vê chifre em cabeça de cavalo. É muito ruim achar que a militância está se vendendo. Eu assino qualquer denúncia feita ao Ministério Público e que seja consistente contra nossos adversários, mas é inadmissível que queiram atingir o próprio PT. Estamos numa eleição interna e precisamos elevar o nível do debate. Há pessoas nos governos em ambas as chapas e é preciso respeita-las. Não é uma boa coisa esse tipo de ação. A militância está de olho e vai saber se posicionar contra isso".

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.