Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Roberto Cavalcanti propõe cessar fogo na política da Paraíba

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O senador Roberto Cavalcanti (PRB) declarou nesta terça-feira, dia 2, que o fim das eleições impõe o “cessar das bandeiras partidárias”. Ele defendeu que, a partir de agora, “quem tem que vencer é a Paraíba”, focando nos projetos estruturantes e aproveitando as oportunidades advindas do fato de estar alinhada politicamente a presidente eleita, Dilma Rousseff.
 
Para o parlamentar, entre os estados nordestinos ainda não contemplados com investimentos federais – Alagoas e Rio Grande do Norte – a Paraíba parte para o novo governo com vantagem, tendo em vista que o novo governador alagoano Teotônio Vilela (PSDB) e a governadora potiguar Rosalba Ciarlini (DEM) são oposição na geografia política desenhada com a vitória petista.
 
“Para nossa sorte e iluminação divina, a Paraíba é o único estado, entre os que ainda não foram contemplados e estão na disputa por grandes obras, que integra a base de coalizão do governo Dilma. Aqui, todos os candidatos apoiavam a presidente”, observou Cavalcanti, defendendo que o Estado “não pode desperdiçar esta chance histórica”.
 
O senador acrescentou que outros estados nordestinos aliados – Pernambuco e Ceará – já foram contemplados no governo Lula com seus portos (Suape e Pecém, respectivamente), mais os trilhos da transnordestina.
 
“Já estão de barriga cheia”, apontou Roberto Cavalcanti, insistindo que agora é a vez da Paraíba batalhar por seu porto de águas profundas e ramal da ferrovia.
 
“Sonhar pequeno e sonhar grande dá o mesmo trabalho, então devemos sonhar com nossos projetos estruturantes, que têm potencial para mudar a fisionomia econômica do Estado a médio e longo prazo”, finalizou.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Banco do Nordeste nomeia novo superintendente na Paraíba

Prefeito paraibano fala de “infelicidade” de ter filhos autistas e servidora acrescenta: “São doidos”

Anteriores

imagem_2024-06-25_131911480-2

Juiz suspende reunião do PSOL que decidiria pelo apoio a Cartaxo

prefeito

Opinião: Atriz atua e não substitui responsabilidade social de gestor

onibus

Ônibus colide com poste no bairro dos Bancários, em João Pessoa

concurso-policial-penal

MPPB, secretarias e sindicato deliberam sobre concurso para policial penal

banheiro

Suspeito de estuprar mulher durante festa de São João em Santa Rita é preso nesta segunda

Dinheiro muito

Prazo para 16 ganhadores do Nota Cidadã resgatarem R$ 40 mil em prêmios termina dia 20

João Almeida, foto divulgação

Ex-vereador João Almeida está internado após cirurgia cardíaca

Programa Justiça 4.0

Programa Justiça 4.0 abre 35 vagas de trabalho

INSS na Paraíba

Servidores do INSS na Paraíba entram em greve por tempo indeterminado a partir desta terça-feira

Celso Batista e Luciano Cartaxo

PSOL decide hoje se mantém pré-candidatura de Celso Batista ou apoia Luciano Cartaxo