Ricardo promete escola técnica para cultura

Durante uma plenária que reuniu quase mil artistas e ativistas culturais em João Pessoa, na noite desta quinta-feira (21), o governador e candidato à reeleição, Ricardo Coutinho (PSB) anunciou que criará, caso seja reeleito, uma escola técnica exclusiva para a área da cultura durante seu segundo mandato.
 
Ricardo reiterou que o investimento em cultura sempre foi uma das prioridades de sua gestão, desde quando foi prefeito de João Pessoa. “Se a gente não tiver cultura, a gente não tem alma, é algo vazio. Pra você mudar qualquer sociedade, você tem de fazer o maior investimento possível em cultura. Temos que deixar nosso povo se expressar artisticamente”, disse.
 
A frente do Governo do Estado, Ricardo criou a Secretaria de Cultura, organizou 12 articulações regionais pelo estado e reformou equipamentos culturais abandonados por gestões anteriores, como o Teatro Santa Roza, em João Pessoa, o Cine Teatro São José, em Campina Grande e o Teatro Iracles Pires, em Cajazeiras.
 
O secretário estadual de cultura, o músico e compositor Chico César, disse que, contrariando interesses de alguns grupos, o governo inovou, criando o Programa de Inclusão através da Música e das Artes (PRIMA), projeto pioneiro e que tem servido de inspiração para outros pelo Brasil.
 
“É a oportunidade dos filhos da Paraíba de estudarem música de orquestra, de pegar nos instrumentos, de aprender, de compartilhar. É uma preparação para a vida, e que tem quem causado um rebuliço no estado inteiro”, comemorou Chico.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.