Ricardo ironiza Maranhão e diz que sem seu apoio derrota teria sido maior

O prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB) respondeu às declarações do governador José Maranhão, que minimizou a importância de seu apoio no cenário de sucessão estadual. Enquanto Maranhão disse que teve votações brilhantes sem o apoio do socialista, o gestor da capital usou de ironia para comentar o fato:

"Em 98, eu não apoiei a candidatura do governador. Em 94, quem ganhou foi Antônio Mariz. Em 2002, o candidato dele perdeu. Em 2006, ele perdeu. Talvez, se eu não tivesse apoiado, a diferença em João Pessoa tivesse sido muito maior. A força do atual governador é tão grande que ficam plantando notícias e implorando, praticamente, que eu seja candidato ao Senado na chapa deles. Imagina! Quem não tem força, ser bajulado desse jeito. É uma demonstração da fortaleza deles!", declarou.

Outra pergunta respondida por Ricardo Coutinho foi a respeito da expectativa dele em relação ao apoio de Cícero Lucena, seu ferrenho adversário, no caso de celebração de uma aliança com o PSDB e os Democratas: "Ninguém é obrigado a estar em canto nenhum. Eu jamais cobraria isso do PSDB".

Ricardo Coutinho esteve em Campina Grande na noite de sexta-feira participando do Encontro Empresarial da Paraíba, promovido pela Associação Comercial e Empresarial de Campina Grande.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.