Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Ricardo desqualifica Guilherme, enaltece Ivandro e rebate Maranhão

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Cláudia Carvalho

O prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB), respondeu, no final da noite deste sábado, de maneira contundente à insinuação feita pelo deputado estadual Guilherme Almeida (PSB), que sugeriu ter havido uma armação nos dois arrombamentos registrados na semana passada ao prédio onde funciona a sede do PSB paraibano: "Essa afirmação é uma falta de respeito de quem não se dá ao respeito", resumiu Ricardo, em entrevista concedida no Parque Cowboy, onde foi prestigiar a terceira eliminatória do Forrofest.

Ele também comentou as declarações do governador José Maranhão publicadas no Parlamentopb criticando quem está em campanha antecipada. A frase do governador foi: "Eu vejo muita gente que está muito mais preocupada em fazer campanha do que trabalhar, mas eu acho que trabalhar pelos paraibanos é a melhor campanha que a gente pode fazer. É por isso que eu não me lanço candidato prematuramente".

Ao Parlamentopb, Ricardo devolveu: "Ele estava fazendo o quê, mesmo?" e acrescentou: "Tem muita gente na imprensa e na política questionando minhas viagens. Eu sempre fiz isso. Sempre fui a outras cidades discutir políticas públicas. E isso nunca prejudicou minhas tarefas. Esses convites que surgem são um sinal de que a população tem sentido as mudanças. O povo sabe diferenciar ações isoladas de políticas públicas permanentes. Isso tem incomodado muita gente. E incomoda mais ainda saber que temos uma teoria que dá certo na prática. Isso muda totalmente o perfil da disputa, que passa a ser sobre mudança, sobre desenvolvimento para o Estado".

Ainda assim, Ricardo Coutinho disse que comparecerá a qualquer audiência que o Governador do Estado agendar com ele: "Aprendi a dialogar com aliados e adversários, mantendo ou mudando meu ponto de vista. Na hora que ele me chamar, se achar que tem algum assunto que mereça nossa apreciação, eu irei. E também saberei procurá-lo quando for o momento".

Ivandro – Outro assunto que mereceu a análise do prefeito e presidente estadual do PSB, em resposta à provocação do Parlamentopb foi a frase dita por Ivandro Cunha Lima e reproduzida no site sobre a existência de uma euforia popular em torno de uma aliança entre Cássio e Ricardo: "Ivandro é uma pessoa extremamente respeitável. Sempre o respeitei por suas atitudes e posturas. A euforia que existe é pelo desejo de dar um passo adiante. Tenho sentido isso onde vou, nas conversas com as comunidades, com empresários… o povo quer visualizar um caminho mais determinado de gestão pública".

Ricardo Coutinho esteve no evento acompanhado de vários secretários municipais, a exemplo de Alexandre Urquiza, Hildevânio Macedo, Estelizabel Bezerra, Rossana Honorato, além dos vereadores Sérgio da Sac e Sandra Marrocos.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Exaustão, sobrecarga… por que não reconhecemos os nossos limites?

Presidente do PT é acusado de cometer etarismo contra Luiz Couto

Incidente no Restaurante Garden: entenda o que realmente aconteceu

Anteriores

joaobelga

Paraíba terá Centro de Distribuição e fábrica de esquadrias de PVC de empresa da Bélgica

Artêmio Picanço, advogado

Advogado considera “surreal” decisão da Justiça da Argentina pela prisão domiciliar de Antônio Neto; veja

Igreja Matriz de Monteiro

Polícia procura mulher suspeita de furtar dinheiro de ofertas da Igreja Matriz, de Monteiro

PF Operação Rescue

Operação da PF prende homem por armazenar imagens de abuso sexual de crianças

Concurso, freepik 1

MP recomenda retificação de edital do concurso para Guarda Civil de Santa Rita

PF operação Pombo, Objetos encontrados em casa de funcionários dos correios

PF investiga desvio de encomendas dos Correios e apreende objetos em casa de servidor

João Pessoa linda demais, secom pb

João Pessoa é destaque entre os Top 10 Destinos de Viagem para o mês de julho

Fábio Andrade, procurador-geral do Estado

Estado aprova lista de acordos diretos de precatórios com 593 propostas e R$ 78 milhões

Sérgio Moro 22

Por unanimidade, TSE rejeita cassação do mandato de Sergio Moro

Perilo Lucena, juiz

Ação alerta contra abuso e exploração sexual infantil nos festejos juninos de CG