Ricardo Coutinho fará live para comentar ameaças de morte e denúncia do Ministério Público

Ricardo Coutinho fará live, ao meio-dia deste sábado (23), para detalhar as ameaças de morte e extorsões feitas contra ele e sua família. O ex-governador também vai comentar o que considera como “perseguição do Ministério Público da Paraíba” em relação às denúncias contra ele no âmbito da Operação Calvário.

Ontem (22), um jovem de 22 anos foi preso acusado de ameaçar Ricardo Coutinho pelas redes sociais e cobrar R$ 3 milhões para não matá-lo. Também nessa sexta-feira, o ex-gestor foi denunciado pelo MPPB no caso do laboratório público, Lifesa.

Saiba mais

Ricardo, Amanda e mais 5 são denunciados na Calvário por causa do Lifesa; confira íntegra

Ricardo Coutinho confirma ataques criminosos e lamenta “perseguição do MP”

Segundo as investigações, Ricardo teria utilizado o Lifesa para obter vantagens ilícitas. “Através do ingresso do então governador do estado, Ricardo Vieira Coutinho, na qualidade de sócio oculto do Lifesa, a Orcrim planejou inteligentemente a reestruturação do laboratório, com ludibriamento de parte do corpo gestor através de um falacioso plano de investimento, além de reversão de grande volume de dinheiro público para o aparelhamento do laboratório com o fito de exclusivamente trazer lucro privado aos denunciados”, diz a denúncia.

Em nota divulgada ontem, Ricardo Coutinho declarou que “ultimamente venho sendo vítima de diversas ameaças e até de extorsão”, em relação ao caso do jovem preso. E também comentou a atuação do MPPB na Calvário. “É urgente que o Ministério Público reveja sua atuação e cumpra seu papel constitucional, pois Justiça deve ser feita nos autos e com provas e não em busca de audiência espetacularizada na população.”

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.