Representantes da Aspol vão a Brasília para série de compromissos

O presidente da Associação dos Policiais Civis de Carreira do Estado (Aspol), Flávio Moreira, embarcou hoje para a Capital Federal, junto com o vice-presidente da entidade, Sandro Roberto Bezerra, para cumprir vários compromissos com representantes de outros Estados, deputados federais e senadores e para cobrar da Secretaria Nacional de Segurança Pública o cumprimento dos critérios na concessão do benefício Bolsa-Formação do PRONASCI.

Durante o dia de hoje, os representantes da Aspol vão visitar a Secretaria Nacional de Segurança Pública onde buscarão parecer favorável para que o Gestor Estadual do programa possa aprovar os pedidos de bolsa-formação para todos os policiais que com o somatório do vencimento básico e da gratificação de risco de vida não ultrapassem o teto de R$ 1.700,00.

Atualmente, estão sendo considerados todos os itens do contra-cheque, incluindo-se vantagens de caráter não permanente, como é o caso da gratificação “extra-gpc”, o que tem diminuído o numero de beneficiados. Caso não consigam o parecer, os diretores da Aspol vão agendar uma audiência com o Secretário Nacional de Segurança Pública e em último caso, irão buscar o auxílio da Ministra Chefe da Casa Civil Dilma Roussef.

Já durante a manhã desta terça-feira, 11, haverá reunião com o deputado federal Laerte Bessa (PMDB-DF), delegado de Polícia do Distrito Federal e relator da Lei Geral da Polícia Civil. O encontro será às 9 horas. Após o encontro, o presidente Flávio Moreira e o vice, Sandro Roberto, participarão do Seminário “25 anos da Lei de Execução Penal e o sistema carcerário brasileiro”. A partir das 14h, a audiência será com os deputados Renato Amary e Mauricio Ortiz, autores das PECS 356 e 340, respectivamente.

Na quarta-feira (12), será a vez da reunião com o deputado Domingos Dutra, membro da comissão permanente de segurança pública da Câmara Federal. A ele será cobrada celeridade na tramitação da PEC 340. Após a reunião, serão visitados todos os deputados federais da Paraíba, aos quais serão entregues cópias das PECS e um pedido de apoio para a tramitação das propostas.

Por fim, na quinta-feira (13), o presidente da Aspol Flávio Moreira, juntamente com o presidente da Agepol Brasil, Francisco Cavalcanti, vão participar de uma reunião com o Senador Roberto Cavalcante (PRB-PB), a fim de solicitar apoio à causa dos policiais civis. O presidente participará ainda de reunião da AGEPOL Brasil, onde haverá a eleição dos novos membros da Diretoria Executiva, em substituição aos que deixaram as entidades representativas estaduais.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.