Reportagem da Folha aponta insuficiência de leitos de UTI no SUS contra coronavírus na Paraíba

Matéria da Folha de São Paulo, neste domingo (15), apontou que a Paraíba tem menos leitos de UTI contra o coronavírus do que o necessário. Segundo a reportagem, o estado tem 1,51 leitos de UTI por 10 mil habitantes no geral, 0,94 leitos de UTI do SUS por 10 mil habitantes, e 5,49 leitos de UTI não SUS por 10 mil habitantes.

O mínimo, segundo a matéria, seria 1 leito por 10 mil habitantes. A Folha informou que os dados são do Conselho Federal de Medicina.

O ParlamentoPB questionou os dados com o secretário de Estado da Saúde. Geraldo Medeiros informou ao site que dos 82 respiradores necessários, a Paraíba tem 320. E que normalmente o Conselho Federal de Medicina usa como fonte os dados disponíveis no CNES. “Nosso número de leitos é maior do que o que consta no CNES. Isso porque quem cadastra são os municípios e não nós. Na matéria (da Folha) não diz qual a fonte do CFM para contagem dos leitos.”

Segundo a Folha, a demanda mundial é de 2,4 leitos por 10 mil habitantes e o Brasil tem média de 2,1, e que esse número despenca para a média de 1 leito por 10 mil habitantes na rede pública.

A matéria relata que a maioria dos estados brasileiros não está preparada para atender os casos graves de pacientes que sejam confirmados com o coronavírus, os quais precisam de UTI para ventilação mecânica para respiração.

Ainda segundo a Folha, o pior estágio é o das regiões Nordeste, Norte e Centro-Oeste e que o Rio de Janeiro é o único nessa situação entre o Sul e Sudeste.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.