Reitor do IFPB toma posse em Brasília

O professor João Batista de Oliveira Silva tomou posse como reitor do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) no final da tarde de ontem em Brasília. A solenidade ocorreu na Sala de Atos do edifício-sede do Ministério da Educação, presidida pelo secretário executivo do MEC, José Henrique Paim. O titular da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec/MEC) Eliezer Pacheco participou da mesa solene, que contou com presença do senador da Paraíba, Roberto Cavalcanti.

“Meus desafios são assegurar o crescimento, a melhoria acadêmica e a inclusão social do IFPB. Meu objetivo é dar continuidade a esse esforço coletivo que vem sendo desenvolvido na história recente da Rede Federal de Educação Profissional,” destacou em seu discurso o reitor do IFPB, eleito com mais de 72% dos votos. O professor João Batista comandava a instituição desde quando foi eleito ainda nos tempos do Cefet-PB. Com a transformação em Instituto, ele continuou a frente na condição de pró-tempore, até ter sua gestão ratificada em nova eleição.

Nessa quarta, também foi empossado o reitor do Instituto de Sergipe, Ailton Ribeiro de Oliveira. Ambos vão liderar suas instituições durante os próximos quatro anos (2010-2014). Em seu discurso, João Batista citou a importância da participação dos professores, servidores administrativos e alunado no processo de evolução das instituições de ensino superior.

“Os nossos institutos estão adquirindo um peso importante no cenário nacional com o fortalecimento da educação profissional e tecnológica”, frisou João Batista. Ele observou que as instituições vinculadas a Setec/MEC estão mais abertas para questões urbanas e para as comunidades de baixa renda a exemplo do que vem sendo construído através de programas como o Proeja, Certific, Mulheres Mil e Segundo Tempo.

Ao destacar o excelente trabalho dos reitores da Rede Federal, o secretário executivo do Ministério da Educação, José Henrique Paim disse que os institutos federais têm um peso importante na educação brasileira por suas instituições de qualidade, formando técnicos e tecnólogos em todo o país. “Hoje, quando se diz que a educação é uma prioridade, há um discurso de conteúdo. Os institutos federais fazem parte de uma estratégia de contribuição para cada região e servem como referência no desenvolvimento da educação profissional brasileira”, disse Paim.

Este padrão de qualidade pode ser observado no perfil dos professores, no bom desempenho dos alunos no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e pelo crescimento da pós-graduação na educação profissional e tecnológica. Eliezer Pacheco afirmou que é um grande compromisso e responsabilidade assumir a reitoria dos institutos, “pela tarefa de comandar uma instituição inovadora que atua desde o ensino básico até a graduação”.

O reitor do IFPB anunciou seu primeiro ato. Ele empossará nesta sexta-feira, 16, os diretores-gerais eleitos pela comunidade acadêmica dos campi de João Pessoa, Sousa e Cajazeiras. A solenidade vai acontecer às 17h, na sala de reuniões da Reitoria, no Campus João Pessoa. Até o final do mês, o professor João Batista deve tomar posse simbolicamente junto à comunidade paraibana e anunciar sua nova equipe de trabalho. Sobre o futuro do Instituto, ele destacou a possível chegada de novos campi em Guarabira e no Vale do Piancó. 
 

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.