Recuperação de dependentes químicos é discutida na Assembleia

Será nesta sexta-feira, dia 6, na Assembléia Legislativa, às 10h, a sessão especial proposta pelo deputado Branco Mendes para difundir o trabalho de recuperação de viciados em drogas, realizado pela Fazenda da Esperança.
 
O deputado Branco Mendes salientou que a Fazenda da Esperança, que tem duas unidades na Paraíba, a Padre Ibiapina e a Nossa Senhora da Guia, ambas localizadas em Alhandra, tem a importante missão de livrar jovens do vício das drogas e do álcool.
 
O índice de recuperação da dependência química, alcançado com esse trabalho, segundo Branco Mendes, é expressivo e varia entre 75% a 83%. Nas duas unidades, a Fazenda da Esperança acolhe 36 homens, com idade que varia entre 15 e 45 anos. Eles vivem do próprio trabalho, como “fonte de autoestima e autossustento”. São 12 meses dedicados à recuperação.
 
Enaltecer o trabalho da Fazenda da Esperança, de acordo com Branco Mendes, é uma forma de mostrar à sociedade que é possível restituir vida aos viciados. “Enquanto as drogas mostram a face do horror a muitas famílias e subtraem dos dependentes qualquer resquício de dignidade, acende-se uma luz de esperança para eles: esse trabalho voluntário, balizado na espiritualidade, no trabalho e na convivência”.
 
Na sessão especial, o deputado Branco Mendes também fará uma homenagem a Francisco Moraes Júnior, presidente das Fazendas da Esperança Nossa Senhora da Guia e Padre Ibiapina.
 
De acordo com o parlamentar, Francisco Moraes Júnior desenvolve um trabalho voluntário com “extremada abnegação” e, por isso, lhe será outorgado o Diploma Benemérito por Serviços Relevantes.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.