Protesto organizado por João Dantas também será realizado em CG

Nem a chuva impediu que populares de Campina Grande protestassem na tarde de hoje, em frente ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB). Eles reivindicam celeridade no processo de cassação do prefeito Veneziano Vital do Rego (PMDB). A manifestação foi liderada pelo vereador de oposição João Dantas (PTN), e não teve um número expressivo de participantes. Eles vestiam camisetas com a frase:  "TRE julgue Vené".

O vereador João Dantas se mostrou preocupado com a falta de informação e de datas para que o julgamento ocorra e decidiu fazer a reivindicação diretamente ao Tribunal Regional Eleitoral. Ele fez um apelo:

– Essa é uma manifestação pacífica, ordeira, civilizada e cidadã. Nós viemos para a capital, estamos diante da maior Corte do Estado e a nossa presença é porque o prefeito de Campina está cassado por decisão do juiz desta corte, o doutor Francisco Antunes. Ele recorreu da decisão por uma liminar que foi concedida por essa mesma corte, o mérito não foi julgado, três relatores já passaram por esse processo e nós não sabemos quando essa liminar será julgada definitivamente. Nós apelamos ao Tribunal Regional Eleitoral que proceda com o julgamento, pois não se justifica um crime que foi perpetrado e que um único instrumento arrolado é um cheque do Fundo Nacional da saúde que bateu na conta de campanha do prefeito.

João Dantas criticou seu opositor e afirmou que a credibilidade do gestor está abalada.

– Nós queremos celeridade, pois o prefeito está com a credibilidade abalada e sem governabilidade. Os envolvidos nessa triangulação fétida, imoral e mal cheirosa têm o prefeito como refém, eles poderão pedir qualquer delito no âmbito da coisa pública e o prefeito não terá credibilidade para demiti-los, pois eles são parte interessada no crime que foi perpetrado. Eles deixamde ser testemunha a favor do prefeito e passam a ser acusação. Isso é imoral. O TRE terá que dar um desfecho para o final desse processo. Não foram só os campinenses que perderam, toda a Paraíba perdeu, pois ele desviou verba do Ministério da Saúde e colocou na conta da sua campanha.

Ainda de acordo com o vereador, outras movimentações já estão agendadas para a Câmara Municipal de Campina Grande e o Fórum da cidade.

– Nós vamos continuar, nosso movimento é sistemático. Hoje ele está na frente do TRE, mas daremos vigor e elasticidade. Outro evento como esse está marcado para a Câmara de Campina Grande e para o Fórum Municipal, pois esperamos que o prefeito seja punido pelos delitos que cometeu. 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.