Primeira sessão ordinária do Parlacrem acontece quarta-feira

A primeira sessão ordinária do Parlamento Comum da Região Metropolitana de João Pessoa (Parlacrem-PB) acontece nesta quarta-feira, 8, às 9h30, no Auditório da Federação do Comércio de Bens e Serviços do Estado da Paraíba (Fecomercio). O primeiro tema em pauta será na área da segurança pública, referente aos habitantes dos onze municípios que compõem a Região Metropolitana de João Pessoa.

O Auditório da Federação do Comércio está localizado no quinto andar do edifício-sede da Fecomercio, à Rua Desembargador Souto Maior, 291, no Centro de João Pessoa.

O secretário da Segurança e Defesa Social do estado, Gustavo Gominho, e o comandante-geral da Polícia Militar da Paraíba, tenente-coronel Marcos Antônio Jácome de Carvalho, já confirmaram presenças. Todos os delegados da Polícia Civil da Grande João Pessoa e representantes da Polícia Federal no estado também estão sendo convidados. Várias outras entidades, como a Ordem dos Advogados do Brasil na Paraíba (OAB-PB), estarão presentes à primeira sessão ordinária.

“João Pessoa e mais dez cidades polarizadas pela Capital paraibana vivem um momento histórico para o estado da Paraíba”, ressalta o vereador pessoense Tavinho Santos (PTB), presidente do Parlacrem. O ‘Parlamento Metropolitano’, uma iniciativa de Tavinho, foi criado e instalado no dia 5 de junho deste ano, quando o Teatro Santa Roza, na Capital, recebeu prefeitos, vereadores e secretários dos municípios que compõem o Parlacrem para prestigiar a cerimônia do evento.

Na solenidade, o vereador Tavinho tomou posse como o primeiro presidente do Parlacrem, composto por parlamentares representantes dos municípios de João Pessoa, Bayeux, Santa Rita, Cabedelo, Conde, Cruz do Espírito Santo, Lucena, Mamanguape, Rio Tinto, Alhandra e Pitimbu.

O Parlacrem, além de ter como objetivo a criação de núcleos de desenvolvimento em cada município, aproveitando ao máximo as potencialidades de cada um deles, é o grande fórum de discussões permanentes em todas as áreas que propiciem o bem-estar da população desses onze municípios – que somam aproximadamente uma população de 1,2 milhão de habitantes –, como políticas públicas nas áreas de educação, saúde, infra-estrutura, turismo, habitação e segurança.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.