Presidente do PTB Jovem critica saída de Gilvan Freire

O presidente estadual da juventude trabalhista na Paraíba, Diego Tavares, classificou como “grande equívoco político” a decisão do ex-deputado Gilvan Freire, que anunciou desligamento dos quadros do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). Diego Tavares, que é suplente de deputado estadual, criticou a atitude e lembrou que o ex-deputado, juntamente com o ex vice-prefeito da Capital Reginaldo Tavares e o vereador Tavinho Santos, integrou até pouco tempo o grupo que coordenou a participação do partido no governo Ricardo Coutinho (PSB). “Gilvan está cometendo um grande erro e isso o tempo vai se encarregar de mostrar”, disse.

Diego Tavares fez questão de minimizar a saída do ex-deputado, ressaltando a unidade e o crescimento do partido sob a liderança do deputado federal Armando Abílio, e destacou que o PTB está cada vez mais coeso no projeto político do prefeito Ricardo Coutinho. “O PTB está engajado nessa proposta que busca construir uma nova Paraíba, de oportunidades para todos os paraibanos e paraibanas. É um projeto de unidade e calcado, sobretudo na vontade popular, de uma Paraíba que quer crescer e se desenvolver”, arrematou. 

O presidente do PTB Jovem alegou desconhecer os motivos que levaram o ex-deputado pedir desfiliação da legenda, contudo, aproveitou para demonstrar sua total decepção com o fato. “Não sei o que levou a isso e estranho que o ex-deputado venha a retornar aos quadros do PMDB”, completou.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.