Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Presidente da Codevasf discute em CG problemas com transposição na Paraíba

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

 

O diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Marcelo Moreira, desembarga em Campina Grande esta semana a convite do deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB) e do prefeito da Rainha da Borborema, Bruno Cunha Lima (PSD), para averiguar e discutir os problemas da transposição das águas do Rio São Francisco. Na semana passada, o parlamentar foi até o local e verificou a paralisação do bombeamento das águas para o estado da Paraíba.

“Precisamos entender o que de fato está acontecendo e o principal, resolver esse problema para que as águas do São Francisco cheguem às bacias na Paraíba. É importante receber o diretor-presidente da Codevasf para avaliar e observar a situação essa importante obra para todos nós paraibanos”, destacou Tovar.

Durante sua visita às obras da transposição, o deputado Tovar constatou a falta de gestão no Eixo Leste, que desemboca do Rio Paraíba. “Há um ano sem ter água bombeada para o território paraibano, o local se encontra esquecido e sem qualquer assistência”, disse o deputado.

Também na visita, Tovar foi até os municípios pernambucanos de Sertânia e Custódia, que também compõem o bombeamento no Eixo Leste, e verificou que em ambos, as obras não estão paradas. Em Sertânia, apesar da boa conservação, há retiradas clandestinas de água e furto de equipamentos. Já em Custódia, o parlamentar averiguou que a estação de bombeamento opera com capacidade reduzida, já que não possui aporte hídrico para a Paraíba.

O deputado lembrou ainda que é importante uma manifestação por parte do Governo do Estado. “Temos que saber o que a gestão planeja, se já há algo em andamento e quais são os projetos a serem executados com essas águas do Projeto de Integração. É preciso do engajamento do governador João Azevedo, já que a Paraíba é a maior interessada que a transposição continue”, pontuou.

Desde 2019, quando houve a suspensão do bombeamento no Eixo Leste, o deputado cobra ao Governo Federal ações efetivas para garantir o retorno do funcionamento no local. Ele lembra que os canais foram criados para reforçar a segurança hídrica, acabar com a seca, auxiliar agricultores e abastecer os municípios paraibanos.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Arthur Urso leva “esposas” para passear sem roupa íntima na orla de João Pessoa

Professores da UFPB desistem de candidatura e apoiam Terezinha e Mônica

Anteriores

Jucélio Dantas é acusado de assassinar kaliane Medeiros

‘Caso Kaliane’: Acusado será julgado hoje pela morte da ex-companheira

Raios em JP

Paraíba tem aumento de mais de 40% na quantidade de raios no primeiro trimestre de 2024

Polícia Civil, homicídios 1

Pai que matou filho ao defender a mãe continua foragido

Sérgio Queiroz 2 22

Queiroz aceita ser vice de Queiroga: “Quem quiser ser grande, seja servo “

Arlenilson Pereira

Suspeito de 4 assassinatos e outros crimes, homicida mais procurado em Campina é preso em SC

CMJP 30

Câmara terá semana com entrega de títulos e debate sobre empreendedorismo feminino

São João de Campina Grande

Empreender PB abre vagas para comerciantes que irão atuar nos festejos juninos de Campina Grande

Acidente na Epitácio Pessoa

Motociclista morre em acidente na Avenida Epitácio Pessoa

Atendente de lanchonete, freepik

Sine-JP oferta 297 vagas de trabalho em diversas áreas a partir desta segunda

agassizalmeida

Morre em João Pessoa ex-deputado constituinte e jurista Agassiz Almeida