Presidente da ALPB diz que Alencar firmou legado de respeito

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Ricardo Marcelo (PSDB), afirmou, na noite de hoje, que a morte de José Alencar deixa as classes política e empresarial de luto por todo o país. Marcelo destacou que, como vice-presidente da República, Alencar deixou sua marca e como empresário firmou um legado de ética e de respeito.

O presidente Ricardo Marcelo destacou que o vice-presidente, através de suas empresas, investiu em território paraibano e apostou no potencial do Estado. Em Campina Grande, o  empresário instalou a Embratex, do grupo Coteminas.Hoje, a Coteminas S.A., controlada pela família de Alencar, é a maior empresa do setor têxtil do país e um dos mais importantes grupos econômicos do Brasil.

O deputado estadual ainda destacou a trajetória respeitosa como homem público, que Alencar construiu sem precisar abandonar seus empreendimentos e, ao mesmo tempo, sem misturar o público com o privado. Aos 18 anos, José Alencar foi emancipado pelo pai (na época, a maioridade civil ocorria aos 21 anos) e, com apoio financeiro de um irmão, abriu uma loja na cidade.

O ex- vice Presidente faleceu na tarde desta terça-feira, em São Paulo, após lutar contra um câncer no abdômen que o levou a submeter-se a 14 cirurgias

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.