Presidenciáveis regularizam documentos no registro de candidaturas no TSE

Brasília – Os candidatos à Presidência e Vice-Presidência da República que estavam com a documentação incompleta no registro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já sanaram o problema. Até hoje, os oito partidos e coligações intimados a complementar as informações registradas no dia 5 de julho já haviam regularizado a documentação.   

Na semana passada, o presidente do TSE, ministro Ricardo Lewandowski, havia pedido, no prazo de três dias a partir das notificações, que os partidos “sanassem vícios” na apresentação da documentação necessária. O principal problema, detectado em 13 dos 18 candidatos a presidente e a vice foi a falta de, pelo menos, uma das seis certidões judiciais necessárias.

As únicas candidaturas que não tiveram problemas foram as de Marina Silva e Guilherme Leal, do Partido Verde (PV), e de Hamilton Assis, candidato a vice pelo P-SOL. Os pedidos de registro originários devem ser julgados pelo plenário do TSE até o dia 5 de agosto. Caso haja algum recurso, o prazo para julgamento é até o dia 19 de agosto. 

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.