Prefeitura diz estar na reta final da Feira da Prata

As obras de reconstrução da nova Feira da Prata de Campina Grande entram na reta final, faltando apenas algumas atividades relacionadas a parte elétrica e de iluminação do complexo e outros pequenos acabamentos. O prefeito Veneziano Vital do Rêgo vistoriou mais uma vez o equipamento, após retornar de uma viagem de dois dias ao sertão – Cajazeiras na quinta-feira e Sousa na sexta-feira, 26. Ele, contudo, não disse quando a Feira será entregue à população.

O secretário de Obras e Serviços Urbanos, Alexandre Almeida, que acompanhava o prefeito na noite da visita, reafirmou que “de fato trata-se de uma obra especial e marcante, por não se tratar de uma estrutura metálica convencional”.

Os boxes já receberam acabamento, como cerâmica e instalações elétrica e hidráulica. A Nova Feira da Prata será dotada de acessibilidade, com a construção de rampas de aceso e um elevador para portadores de necessidades especiais terem acesso ao Piso Superior, onde ficará a Praça da Alimentação. São 108 boxes dotados de toda uma estrutura para atendimento aos clientes. O funcionamento da Feira será diário. Atualmente só funciona aos domingos.

Acompanharam o prefeito na vistoria o Secretário de Obras e Serviços Urbanos, Alexandre Almeida; o Secretário Executivo Gilson Lira; o Presidente da AMDE, Tico Lira e o Coordenador de Comunicação, Carlos Magno.

Revitalização – Há mais de cinqüenta anos funciona no bairro da Prata a feira dominical que aos poucos foi se incorporando ao cotidiano da cidade e terminou por se consolidar como um verdadeiro patrimônio histórico e cultural da cidade de Campina Grande.

A Feira transformou-se num espaço de comercialização de produtos produzidos em Campina Grande e nas cidades circunvizinhas, principalmente, os hortifrutigranjeiros. Foi com essa característica que a Feira da Prata passou a atrair pessoas de todos os bairros da cidade porque encontram ali produtos baratos, frescos e de qualidade.

A nova Feira da Prata, segundo a Prefeitura promete, será também um local de divulgação da cultura nordestina, já que terá espaços para comercialização do artesanato e local de apresentação de artistas da cidade.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.