Prefeitura derruba muro com risco de desabar em condomínio após chuvas e desobstrui galerias em JP

Após o deslizamento ocorrido na sexta-feira, nas imediações do Condomínio Arruda Câmara, próximo ao Parque Zoobotânico Arruda Câmara (Bica), equipes da Seinfra e Semam derrubaram, nesse sábado (27), a outra parte do muro que corria risco de desabamento. A previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) é de que as precipitações continuem neste domingo (28) e a Prefeitura de João Pessoa manteve as secretarias em alerta.

“A chuva não retornou com a força de ontem, mas as equipes estão em estado de atenção, monitorando as áreas de risco. Estamos fazendo o reconhecimento dos estragos que foram causados pela chuva da sexta-feira e na tentativa de minimizar os possíveis danos que possam ser causados pela chuva deste sábado. Visitamos alguns locais de risco e alguns pontos de alagamento que não existiam, mas que surgiram pelo grande volume de água”, declarou o secretário executivo da Defesa Civil de João Pessoa, coronel Kelson Chaves.

Na Comunidade São Rafael, houve uma visita técnica. “Fizemos um levantamento das casas que foram atingidas pelo alagamento e vamos ficar monitorando a situação. Entramos em contato com algumas secretarias para um possível relocamento das famílias”, informou a assistente social da Defesa Civil, Rita de Cássia Gonçalves.

O engenheiro Philipe Aires, também da equipe da Defesa Civil, explicou que a região é de solo mole, em razão da proximidade com o rio. Por isso, os moradores ribeirinhos sempre são afetados, tendo suas casas atingidas com a cheia causada pelas precipitações.

Ações pelos bairros

As equipes da Autarquia de Limpeza Urbana de João Pessoa (Emlur) também estão intensificando ações de manutenção. “É um trabalho conjunto com outras secretarias. Desde ontem as equipes da Emlur estão nas ruas atendendo à população, verificando a situação e tomando medidas para o recolhimento de lixo, entulho e na desobstrução de vias”, explicou o superintendente, Ricardo Veloso.

Nesse sábado, as equipes atuaram nos bairros Tambiá, Treze de Maio (na avenida Francisca Moura), Padre Zé (nas avenidas Ayrton Senna e Mandacaru), Alto do Mateus e José Américo. Para o bairro Tambiá foi deslocada uma máquina devido ao deslizamento por trás do condomínio Arruda Câmara.

As equipes da Seinfra também continuam com a limpeza e desobstrução de galerias de águas pluviais. “Estamos com 50 homens em oito equipes e oito equipamentos, entre eles, munck, caçamba, retroescavadeira, carro-pipa, caminhão de jato, caminhão de sucção. Estamos com dois diretores, o secretário executivo e o secretário todos de plantão”, detalhou o secretário de Infraestrutura do Município, Rubens Falcão.

Previsão de chuvas

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu aviso de acumulado de chuvas para 57 municípios da Paraíba, entre eles, João Pessoa, com previsão de 50 a 100 milímetros por dia. O alerta teve início às 9h31 da última sexta-feira (26), válido até as 11h deste domingo (28), tendo sido renovado até as 11h de amanhã (1º). Da segunda-feira (1º) até a próxima quarta (3), a meteorologia indica céu nublado com pancadas de chuva na Capital.

Na sexta-feira (26), no intervalo de oito horas, foram registrados 167,8 milímetros de chuvas. O volume superou em 55% a média histórica para o mês de fevereiro. De acordo com medições feitas nos últimos 30 anos, o índice é de 108 milímetros.

A população pode acionar a Defesa Civil por meio do telefone: 0800 285 9020.

A força-tarefa criada pelo prefeito Cícero Lucena envolve as Secretarias de Defesa Civil, Infraestrutura (Seinfra), Meio Ambiente (Semam), Desenvolvimento Urbano (Sedurb), Desenvolvimento Social (Sedes), Direitos Humanos e Cidadania, Emlur e Superintendência de Mobilidade Urbana (Semob).

VEJA TAMBÉM

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.