Prefeitura de Pedras de Fogo acusa Dedé de fazer denúncia infundada

A prefeitura de Pedras de Fogo emitiu uma nota em resposta às denúncias veiculadas pelo ex-candidato a prefeito da cidade, Derivaldo Romão dos Santos (Dedé), do PT, segundo o qual o matadouro municipal, cuja obra custou R$ 500 mil, teria sido inaugurado e não está funcionando. De acordo com a prefeitura da cidade,  “a exigência de colocação de filtro, formulada pela Sudema, foi o que retardou o funcionamento, mas, felizmente, todas as providências já foram tomadas pela Prefeitura para que tenha início a utilização desse importante equipamento”.

Outro trecho da nota atribui à picuinha política a queixa externada por Dedé: “Não passam de dor de cotovelo os ataques desferidos por um dos ex-candidatos a prefeito de Pedras de Fogo, derrotado pela atual prefeita, contra ações da atual administração do município”.

Ainda de acordo com a nota, “são inegáveis os benefícios à saúde da população gerados pelo matadouro, que é o mais moderno do Estado da Paraiba, principalmente depois de cumpridas as exigências dos órgãos ambientais”. E continua: “É preciso que se entenda e reconheça que a construção do matadouro representa um fato concreto e relevante, fruto do trabalho conjunto daqueles que efetivamente têm compromisso com o município de Pedras de Fogo”.

Segundo informa a assessoria, “o Matadouro foi construído com recursos próprios do Município".

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.