Prefeitura de JP inaugura UFS do Rangel nesta quarta

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), inaugura nesta quarta-feira (20), a partir das 8h, a Unidade de Saúde da Família Qualidade de Vida (USF), no bairro do Rangel. O novo prédio, situado na Rua Bom Jesus, nº 583, vai beneficiar cerca de 12 mil pessoas. A solenidade contará com a presença do prefeito Luciano Agra e da secretária de Saúde Roseana Meira.

Ao todo foram gastos R$ 811.037,86 com a estrutura do prédio e aproximadamente R$ 50 mil em equipamentos. A previsão é que 3.600 pessoas sejam beneficiadas com a implantação da USF, que integrará quatro unidades de saúde da família em apenas uma estrutura.

Segundo a gerente de Atenção Básica da SMS, Thaís de Matos, o investimento na construção de unidades próprias, aquisição de equipamentos novos e qualificação e valorização salarial dos profissionais faz parte da estratégia municipal de Valorização da Atenção Primária em João Pessoa.

“Essa proposta fortalece o desenvolvimento do projeto de saúde no município, que tem buscado o fortalecimento da rede de serviços e a reorganização do processo de trabalho para a produção de cuidados de saúde à população”, afirmou.

Thaís de Matos explicou que a Unidade Integrada comporta as quatro equipes de saúde da família que estavam situadas nas USF Rangel (3,4,5 e 6), que foram relocadas. “Estas equipes agora serão introduzidas em um espaço próprio construído para atender às necessidades dos profissionais e da população. Os profissionais que estavam em prédios alugados serão situados em um prédio próprio. Esse é um compromisso de gestão em qualificar e humanizar a atenção à saúde da população através investimento na estrutura física das unidades, dos materiais e insumos ideais”, enfatizou.

Conforto – A gerente de Atenção Básica da SMS ressaltou que uma Unidade Integrada, além dos espaços de consultórios, possui espaço para atividades coletivas, a exemplo de um auditório com capacidade para 50 pessoas, bem como ambientes confortáveis para recepção e atendimento à população. “São quatro gabinetes odontológicos, uma sala de curativos, uma sala de observação com eletrocardiograma, uma sala de coleta de exames, outra de observação, além de locais para realização de curativos e farmácia, bem como quatro consultórios médicos e quatro consultórios de enfermagem”, elencou Thaís Matos.

A Gerência de Atenção Básica assegura que serão inauguradas outras quatro Unidades Integradas até o final do ano e, a partir de maio, será iniciada a construção de outras 21. “O grande desafio é organizar as redes de serviços de saúde para avançar na integralidade, articulando linhas de cuidado, tornando mais resolutiva a atenção básica, desafogando os centros de atenção especializadas e hospitalares, e com isso melhorando o acesso do usuário e a qualidade da atenção prestada”, concluiu Thaís Matos.
 

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.