Prefeito interino de Marcação confirma intenção de se candidatar à vaga

O prefeito interino de Marcação, Edfrance dos Santos Silva (PMDB), admitiu na tarde desta terça-feira, 16, o interesse de se candidatar à vaga de prefeito, que ficou em aberto desde a cassação de Paulo Sérgio (PMDB). A declaração foi feita durante sessão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Edfrance, também conhecido como "Negão" exerce seu primeiro mandato como vereador e é presidente da Câmara Municipal daquele município. Está à frente da prefeitura desde o dia 9 de setembro. Ele se mostrou interessado em disputar a vaga, mas disse que só o fará se contar com o apoio do PMDB e aliados.

– Se o partido precisar, eu me coloco à disposição, mas não me lancei candidato ainda. Existe a intenção, mas nesse momento o meu foco é a administração do município.

Edfrance negou o possível apoio do prefeito cassado Paulo Sérgio (PMDB). Ele disse que até o momento não foi procurado para nenhuma negociação nem recebeu apoio de ninguém.

– Essa estória é fruto de especulação. Eu não confirmo nada disso. Até o momento não fui procurado por ninguém.

O possível candidato disse que está desenvolvendo um trabalho que vem chamando a atenção dos habitantes de Marcação e que esse trabalho seria o seu diferencial, caso decida concorrer a vaga de prefeito.

– Estamos pavimentando ruas e pagando em dia o funcionário público. Sei que isso não é o suficiente, mas em apenas dois meses não tem como fazer muita coisa.

Edfrance acrescentou que, caso seja candidato, poderá contar com o apoio de alguns partidos como PT, PRB, PRP, PSB e o PMDB. Ele finalizou opinando sobre a possível data da nova eleição de Marcação.

– Na minha opinião, se a eleição for realizada ainda esse ano não seria muito bom. O tempo é insuficiente para a elaboração de uma nova chapa e mais, caso seja aprovada a data até dezembro, não atenderia aos prazos legais, finalizou.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.