Prefeito entrega primeira etapa de reforma do Mercado da Torre

O prefeito Luciano Cartaxo inaugurou, na manhã desta terça-feira (12), a primeira etapa do novo Mercado Joaquim Torres, conhecido como Mercado da Torre. Na ocasião, foram entregues os blocos “D” e “E”, que comportam os setores de carnes, peixes, frios, laticínios, cereais e outros serviços. A obra custou R$ 2,2 milhões e faz parte do projeto de valorização dos mercados púbicos da Capital. No total, serão investidos R$ 6,5 milhões em recursos.
 
“O Mercado da Torre é um símbolo do bairro e essa entrega é a confirmação de um compromisso. Queremos agilidade nas obras públicas e por isso entregaremos as demais etapas o mais rápido possível”, assegurou Luciano Cartaxo. Ele também lembrou que a reforma está sendo feita com recursos municipais. “Nenhum comerciante vai precisar pagar nenhum centavo pelos boxes que vão ocupar. Ninguém terá dívidas com bancos para manter seu comércio”, ressaltou.
 
O vice-prefeito Nonato Bandeira destacou a forma organizada e tranquila como a obra foi entregue aos comerciantes. “Um mercado público é a obra mais democrática que um Governo pode entregar, pois por ele circulam todas as classes da sociedade. Aqui na Torre percebemos uma entrega sem tumultuo, sem confusão. A função de um administrador é justamente atenuar e eliminar qualquer conflito, como foi feito por Luciano Cartaxo”.
 
Já o secretário municipal do Desenvolvimento Urbano, Assis Freire, ressaltou a agilidade das obras. “O mercado é um sonho de muitos anos para os comerciantes e moradores e a orientação que recebemos de Luciano Cartaxo foi de tratar a questão com rapidez e eficiência. Nos empenhamos na parceria com a Secretaria da Infraestrutura e com os comerciantes e temos certeza que poderemos entregar a estrutura completa até o final do ano”, previu.
 
As chaves dos boxes foram entregues de forma simbólica a alguns comerciantes, que demonstraram muita alegria e gratidão durante a solenidade. A proprietária Mércia de Castro Alencar, que preside a Associação de Comerciantes do Mercado da Torre, falou pelo grupo logo após receber a chave do box 14. “Este é um marco e isso pode ser visto na alegria de todos os feirantes. Há muitos anos não tínhamos um mercado decente e a reforma representa a nossa dignidade”, destacou.
 
A reforma – As obras do Mercado da Torre devem garantir mais segurança e conforto aos frequentadores, além de adequar o espaço a todas as especificações da Vigilância Sanitária. Pertencentes aos blocos “D” e “E”, 79 boxes foram construídos, ganhando revestimento em cerâmica, estrutura metálica anticorrosiva e bancadas de granito. Os espaços possuem áreas que variam de três a 12 metros quadrados.
 
A obra foi divida em três etapas e prevê ainda a restauração da coberta e piso, além da criação de um estacionamento com área específica para carga e descarga. Também faz parte do projeto à construção de uma praça de alimentação, um novo sistema de drenagem, sistema próprio de abastecimento de água e uma Estação Digital.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.