Prefeita de Barra de São Miguel prepara recurso e fica no cargo

Os advogados de Luzinectt Teixeira Lopes, mais conhecida como Luci Costa, prefeita de Barra de São Miguel, estão preparando um recurso contra a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB) que ontem à tarde declarou-a inelegível e cassou seu mandato. A decisão tomou como base o fato de Luci manter um relacionamento estável com Francisco Pinto, irmão do ex-prefeito Pedro Pinto, a quem Luci sucedeu. Como Pedro não deixou o cargo seis meses antes do pleito de 2008, ela seria inelegível para disputar o mesmo cargo.

Cabe recurso da decisão e os advogados da prefeita pretendem esgotar todas as instâncias para eliminar a acusação de grau de parentesco de Luci com o ex-prefeito Pedro Pinto.

No caso de Barra de São Miguel, a prefeita teve 64% dos votos e se a sentença final for no sentido de manter a cassação, deverá ser realizada uma nova eleição no município.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.