Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Pré-candidata à prefeitura, Cida critica “engorda de praias” e vê margem para liberar espigões

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Cida Ramos foi reeleita para a Assembleia Legislativa da Paraíba, mas já se colocou como pré-candidata à prefeitura de João Pessoa pelo PT nas eleições de 2024. “O partido vive um momento nacionalmente muito bom. Lula pegou um país devastado e já disse a que veio, estando presente nas necessidades da população. Sei que o PT da Paraíba tem uma perspectiva grande de crescimento. Vamos ter uma discussão forte sobre a pré-candidatura com a militância e os setorais. Quero fazer esse debate, estou animada com o incentivo diário que receboe não podemos deixar de entrar nessa discussão política”, disse ela ao Band News Manaíra desta terça-feira, 21.

A parlamentar já foi candidata a prefeita em 2016 pelo PSB. À epoca, ela teve 33,54% dos votos e perdeu para Luciano Cartaxo (PSD), reeleito com 59,67%. Para o pleito que vem, somente o PT já tem três nomes colocados como opções para a disputa: Além de Cida, Luciano Cartaxo, que atualmente é deputado estadual e o vereador Marcos Henriques, que lidera a oposição na Câmara de João Pessoa.

Engorda de praias – A deputada criticou a proposta do prefeito Cícero Lucena (PP) que pretende promover um alargamento da faixa de areia das praias de Manaíra, Tambaú e Cabo Branco. “Estou pronta para discutir essa questão. Estou estudando bastante. Me coloquei contra porque acredito que é preciso fazer um amplo debate e envolver a população. Na UFPB e em outras universidades e institutos de pesquisa, temos especialistas que podem contribuir para esse processo, avaliando o impacto dele, conhecendo as experiências de onde a engorda de praias já foi realizada. Temo que isso venha articulado com uma tentativa de derrubada da lei dos espigões, que nos diferencia nacionalmente de qualquer orla dos estados nordestinas”.

Na visão da deputada, uma vez alargada a faixa de areia estaria aberto o espaço para que os empresários da construção civil reivindicassem a mudança de lei de 1989 que impede a construção de prédios com mais de 12,9 metros de altura na orla – pilotis e três andares.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

UEPB: uma crise democrática

Confusão continua: TRE nega ter chancelado posse de Raissa Lacerda na Câmara

Anteriores

18bd9ff91c351eb1c5acabe58386cabb

Inmet emite alertas de acumulado de chuvas para João Pessoa e outras 90 cidades da Paraíba

SMS_Dia_D_Poliomielite_Foto_Kleide_Teixeira_09-scaled

João Pessoa realiza ‘Dia D’ de vacinação contra poliomielite neste sábado

WhatsApp Image 2024-06-14 at 17.41.17

TCE-PB divulga número de servidores contratados nos municípios do Estado

e566060c-5de1-4ed1-8356-d3e59a96bccb

João Azevêdo inspeciona obras com investimentos de R$ 87,5 milhões em Princesa Isabel e Tavares

1718377352730

Sabadinho Bom tem Joca do Acordeon como atração neste fim de semana

IMG_6802-scaled

Alunos da Rede Municipal de Ensino de João Pessoa participam de torneio de robótica neste sábado

WhatsApp Image 2024-06-14 at 15.00.05

Pré-cadastro de pessoas interessadas em doar sangue no Dia do Orgulho LGBT começa nesta sexta

polícia-militar-pm-paraíba

Concurso da PM e Bombeiros da Paraíba terá pelo menos mais 200 convocados

Cofeci - Emirados Árabes 2

Cofeci e Emirados Árabes iniciam intercâmbio voltado ao mercado imobiliário

Wellington Farias 2

Wellington Farias será homenageado no Caminhos do Frio em Serraria