Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Posse neste sábado no Congresso faz de Dilma primeira mulher presidente

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

 A ex-ministra Dilma Rousseff será empossada neste sábado (1º) presidente da República. Dilma será a primeira mulher a assumir o cargo. Ele receberá a faixa presidencial de seu antecessor, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, logo após assinar o termo de posse no Congresso Nacional.

 
Dilma vai percorrer a Esplanada dos Ministérios, em Brasília, em carro aberto, ao lado de Paula, a filha única.
 
Divorciada, 63 anos, Dilma iniciou sua militância política no movimento estudantil durante a ditadura militar. Foi presa política e torturada. Ela iniciou sua vida pública no Rio Grande do Sul, onde foi secretária estadual.
 
No governo do presidente Lula, foi ministra de Minas e Energia e, depois, da Casa Civil, em substituição a José Dirceu, que deixou o cargo devido ao escândalo do mensalão –suposto esquema de pagamento a parlamentares em troca de apoio ao governo.
 
A cerimônia
 
A cerimônia de posse de Dilma vai ter início às 14h15, quando a presidente eleita inicia desfile em carro aberto – um Rolls Royce conversível – da Catedral de Brasília até o Congresso Nacional. O vice, Michel Temer, vai com a mulher num Cadillac de 1968. O percurso é todo na Esplanada dos Ministérios e deve durar 15 minutos.
 
Caso chova, Dilma seguirá em carro fechado. A comitiva será acompanhada por carro de imprensa, segurança e cavalaria. Ao todo, 36 agentes da Polícia Federal fazem o percurso a pé com a comitiva. A escolta de segurança será composta por muheres.
 
Quem quiser assistir à posse deve chegar bem antes do início da cerimônia. As duas principais vias de acesso à Catedral de Brasília, ao Congresso, ao Palácio do Planalto e ao Itamaraty, locais onde por onde a Dilma passará, serão interditadas entre o fim da manhã e o início da tarde deste sábado para o acesso de veículos e pedestres. A estimativa da Polícia Militar é que 70 mil pessoas compareçam ao evento.
 
Segurança
 
Durante a posse, o espaço aéreo de Brasília vai ser fechado e haverá atiradores de elite cobrindo todo o trajeto do cortejo presidencial na Esplanada dos Ministérios. Segundo o coronel Carlos José Penteado, chefe da Comunicação Social do Comando Militar do Planalto, um contingente de 3,8 mil integrantes do Exército, da Marinha e da Aeronáutica, das polícias Federal, Civil, Militar e Rodoviária Federal vão compor a equipe de segurança.
 
Nesta última quinta-feira (30), a Polícia Federal fez um ensaio dos procedimentos de segurança que contou até com a simulação de um eventual resgate da presidente com helicóptero, em caso de necessidade (veja vídeo ao lado).
 
 
 
G1
 

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Banco do Nordeste nomeia novo superintendente na Paraíba

Prefeito paraibano fala de “infelicidade” de ter filhos autistas e servidora acrescenta: “São doidos”

Anteriores

Chuva-e-transito-Epitacio-Pessoa_120613NalvaFigueiredo-02-scaled

Inmet emite alerta de acumulado de chuvas para João Pessoa e outros 24 municípios paraibanos

padre-egidio

Audiência de instrução do caso Padre Zé é adiada mais uma vez

12-07-2024-contrato-canva1

MPPB ajuíza ação de improbidade contra ex-prefeito, seu filho e três servidores públicos

WhatsApp Image 2024-07-12 at 12.25.35

Mônica Sousa, a inspiração da Turma da Mônica, estreia no Imagineland 2024 em João Pessoa no dia 28

Os Três Porquinhos (2)

Arretado Produções lança Projeto “Aqui e Ali tem Teatro” em parceria com o Colégio Interactivo

shutterstock_388657213

Em um ano, MPPB atuou em 7,8 mil processos para proteger crianças e adolescentes

Brasil-Paraiba-Joao-Pessoa-Praia-de-Tambau-2

Praias da Grande João Pessoa estão próprias para banho durante fim de semana

PM Gate

Operação interestadual prende líder criminoso em João Pessoa

Luciano Cartaxo e Marcos Henriques (1)

Marcos Henriques anuncia apoio a Luciano Cartaxo para prefeito

Urna FIM,

MPT reúne partidos políticos para pacto contra assédio, discriminação e trabalho infantil nas eleições