Polícia civil se concentra em frente ao Palácio e aguarda proposta

O presidente da Aspol Flávio Moreira recebeu ontem à noite a comunicação por parte do Delegado Geral Canrobert Rodrigues que a proposta salarial do governo será apresentada às 10 horas na Secretaria de Segurança e Defesa Social. Segundo informou o Delegado Geral, a proposta não foi apresentada ontem por conta da dificuldade da equipe econômica em fechar as datas para implantação dos reajustes.

Na reunião ocorrida na noite de quarta-feira, 21, foi assegurado ao Comando de Greve que a proposta contemplará a todos e que será diminuído o fosso existente entre as remunerações dos diversos cargos, sendo aproximados da remuneração dos Delegados de Polícia. Segundo a Aspol, os delegados receberam 230% de aumento nos últimos seis anos, contra pouco mais de 60% para as demais carreiras policiais civis.

"A Assembléia Geral está mantida para as 16 horas e terá como objetivo analisar e definir a aceitação ou recusa da proposta pela categoria", disse o presidente da Aspol, Flávio Moreira, que estará na praça João Pessoa a partir das 7h30 para atender à imprensa e os policiais da Região Metropolitana.
 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.