Polícia apreende 21 armas e prende 150 suspeitos na Operação Semana Santa

Em quatro dias de ações durante a Semana Santa, a Polícia Militar da Paraíba apreendeu 21 armas de fogo, prendeu diversos tipos e quantidades de drogas e recuperou 36 veículos roubados. Os policiais também prenderam e apreenderam 165 suspeitos que estavam cometendo crimes, ou em ato infracional, ou com mandados de prisão em aberto. Os dados compreendem o período que vai da meia da última quinta-feira (29), às 23h59 do último domingo (1), e foram levantados pela Coordenadoria de Estatística e Avaliação da corporação.

No período, as ações envolveram cerca de 4500 policiais militares em todo o estado. Do número de presos e apreendidos, 147 eram maiores e 15 eram adolescentes. Três mandados de prisão também foram cumpridos. Entre os presos da Operação Semana Santa, quatro pessoas que estariam ligadas a ações contra estabelecimentos bancários foram conduzidas pela PM, nas cidades de João Pessoa e Campina Grande.

Entre os carros recuperados pela Operação, um deles possuía uma estrutura de madeira semelhante a um aríete (estrutura para arrombamento), que possivelmente seria utilizada pela ‘gangue da marcha ré’, para violar estabelecimentos comerciais no Centro de Campina Grande, na madrugada do domingo (1). Outro carro recuperado no mesmo período na região de Campina estava com uma dupla que vinha cometendo assaltos e foi detida pela PM. Uma arma foi apreendida.

Drogas – Somente em uma ocorrência, na zona sul de João Pessoa, na tarde de sábado (31), policiais apreenderam 11 tabletes de maconha, 120 pinos de cocaína, duas células de colete balístico, dinheiro, 10 cartelas de comprimidos artane, resultando na prisão de três suspeitos. Um deles já respondia pelo crime de posse ilegal de arma de fogo.

Em outra ocorrência, no bairro dos Funcionários, ainda no sábado, um adolescente foi apreendido com uma arma de fogo, munições, uma pedra de crack, um tablete de maconha, 10 pinos de cocaína, e 26 embrulhos com maconha.

Crimes patrimoniais – Ainda na região metropolitana da Capital, a PM prendeu seis suspeitos que estavam diretamente ligados a crimes patrimoniais como arrombamentos a residências e assaltos. Quatro deles foram presos na quinta-feira (29) com TVs, notebooks, e arma de fogo na zona sul. Já no último domingo (1), outra dupla que agia cometendo assaltos também foi presa na área e com eles, além de uma TV, os policiais recuperaram um carro roubado, pertences pessoais das vítimas e apreenderam outra arma de fogo, que era utilizada para intimidá-las.

Comentários