Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Pleno recebe denúncia contra prefeito de São Mamede

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba, na sessão de hoje, recebeu a denúncia nos autos da Notícia-Crime, nº 999.2010.000168-7/001, para que seja instaurada uma Ação Penal contra o prefeito de São Mamede, Francisco das Chagas Lopes de Sousa. A decisão, no entanto, não afastou o gestor da administração, já que a Corte entendeu, por unanimidade, que a  permanência no cargo, não influenciará, negativamente, a instrução criminal ou o andamento regular da atividade municipal. A relatoria foi do desembargador Nilo Luis Ramalho Vieira.

De acordo com relatório, o prefeito realizou, durante o exercício financeiro de 2001, diversas contratações diretas sem o prévio e necessário procedimento licitatório. O montante de dinheiro empregado atingiu o valor de R$ 237.121,15.

Entre os gastos que deixaram de passar por licitação estão a compra de gêneros alimentícios, materiais de manutenção, de limpeza e conservação, além de serviços de transporte de lixo. Há, ainda, a aquisição de combustível realizada com procedimento licitatório indevido. Segundo o relator, as condutas “amoldam-se, em tese, aos tipos previstos no art. 89, caput, da Lei 8.66/93 c/c art. 71 do Código Penal”.

O desembargador-relator explica, também, que “para o recebimento da denúncia é suficiente a comprovação da materialidade delitiva e a exposição dos fatos tidos por criminosos (CPP, art. 41), só podendo ser rejeitada a inicial acusatória quando o fato narrado não constituir crime, já estiver extinta a punibilidade, pela prescrição ou outra causa ou for manifesta a ilegitimidade da parte ou faltar condição exigida pela lei para o exercício da ação penal (CPP, art. 395)”. 

Nilo Ramalho concluiu que se o fato, em tese, constitui crime e se existem indícios suficientes de autoria, impõe-se a apuração devida, mediante instrução do processo, e o irrecusável recebimento da denúncia.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Arthur Urso leva “esposas” para passear sem roupa íntima na orla de João Pessoa

Professores da UFPB desistem de candidatura e apoiam Terezinha e Mônica

Anteriores

jacksonemarcos (1)

Presidente do PT da PB explica presença na PH: “O evento era do PSB, não do PP”

UFPB-entrada-683x388

UFPB terá urnas em todos os centros de ensino nesta quinta; veja locais

Energisa trabalhando na Torre

Ocorrência deixa áreas da Torre sem energia e concessionária atua para normalizar serviço

ALPB 31

ALPB define nova data para audiência com Pollyanna Loreto e oposição questiona ausência

Glicério Feitosa, candidato do NOVO a prefeito de Bayeux

Glicério Feitosa cita “péssima” gestão de Luciene e indecisos para vencer eleições em Bayeux

Polícia civil, viaturas, central

Operação da PC prende ‘contadora’ do tráfico em João Pessoa e cumpre mandados de busca no sertão

Aimee Garcia, atriz de Dexter

Aimee Garcia, de ‘Lúcifer’ e ‘Dexter’, é confirmada para a edição 2024 do Imagineland

terezinhaemonica (1)

Eleições na UFPB acontecem nesta quinta; 46 mil estão aptos para votar

PM, viatura passando

Criminosos sequestram motorista de aplicativo, trocam tiros com a PM e dois são baleados

Dinheiro 21

INSS começa a pagar nesta quarta-feira décimo terceiro antecipado