Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Pleno do TJ vai julgar mérito de eleições da Defensoria Pública

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O desembargador Saulo Henriques de Sá e Benevides deferiu, parcialmente, o pedido de liminar no Mandado de Segurança (999.2010.000846-8/001) para suspender as eleições da Defensoria Pública Geral do Estado da Paraíba, marcada para a próxima segunda-feira (13). O MS foi impetrado por Alberto Jorge Dantas Sales e outros contra o defensor público-geral, Élson Pessoa de Carvalho e o Conselho Superior da Defensoria Pública.

Conforme o secretário-geral do Tribunal de Justiça da Paraíba, Robson Cananéa, depois da concessão da liminar, oportunamente, os autos serão encaminhados para o Pleno do TJPB, onde será apreciado o mérito da matéria.

Segundo os impetrantes, a Resolução DPPB/CSDPB nº 02/2010, do Conselho Superior da Defensoria Pública para fim de regulamentar o processo eletivo de formação da lista tríplice e escolha do defensor-geral é nula, uma vez que o Conselho, “nos moldes em que atualmente é constituído, careceria de legitimidade para se reunir e convocar tais eleições”.

Sustentam, ainda, que com o advento da Lei Complementar nº 132/2009, o Conselho Superior da Defensoria Pública deveria ser composto, em sua maioria, por representantes estáveis da carreira, eleitos pelo voto direto e obrigatório de seus membros, em número e forma a ser fixado em lei estadual. Consequência disso, o disciplinamento superou a legislação anterior que previa, como estrutura de composição do Conselho Superior, a existência de 15 vagas preenchidas, até então, pelos defensores públicos especiais, na qualidade de membros natos.

“A mencionada Resolução, emanada do Conselho Superior, em formação colidente com o novel disciplinamento implementado pela Lei Complementar 132/2009 é nula de pleno direito, por conter, em sua gênese, vício de natureza formal”, justificam os impetrantes. As partes que promoveram o Mandado de Segurança disseram, também, que a Resolução não contemplou prazo para impugnação de suas disposições e os defensores inativos foram excluídos do processo eletivo.

Para o desembargador Saulo Henriques de Sá e Benevides, a suspensão das eleições até o julgamento do mérito da presente impetração, congrega relevante razoabilidade à própria solução jurisdicional aplicável a hipótese, “uma vez que, ao fim, caso não se verifique a apontada violação às normas que dispõem sobre a matéria, será sempre possível a continuidade das eleições, bem assim o regular prosseguimento das atividades exercidas pelo Conselho”, disse o magistrado.

Por fim, o julgador afirmou que estavam presentes os pressupostos legais inerentes à espécie (fumus boni iuris e periculum in mora – fumaça do bom Direito e o perigo da demora), deferiu a liminar  e determinou a notificação das autoridades impetradas para, no prazo de dez dias, prestar as informações que entender necessárias.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Banco do Nordeste nomeia novo superintendente na Paraíba

Prefeito paraibano fala de “infelicidade” de ter filhos autistas e servidora acrescenta: “São doidos”

Anteriores

Carregador de armazem

Sine disponibiliza 521 vagas de emprego em João Pessoa a partir desta segunda

ataque gaza 140724 FOTO PCRS org humanitaria

Após novo ataque à Gaza, Lula diz que Israel segue sabotando processo de paz

Três homens são presos suspeitos de tráfico de drogas em Guarabira

Três homens são presos suspeitos de tráfico de drogas em Guarabira

entregador FOTO Pixabay

Sine-PB oferta 533 vagas de emprego em 10 municípios paraibanos

onibus acidente sobrado br-230_

Ônibus que seguia para Vila Sítio São João tomba na BR-230, em Café do Vento

João Azevêdo entrega Casa da Cidadania do bairro do Bessa, em João Pessoa

João Azevêdo entrega Casa da Cidadania do bairro do Bessa, em João Pessoa

presidente lula FOTO fabio rodrigues pozzebom agencia brasil

Presidente Lula repudia atentado contra Donald Trump

mega sena FOTO rafael neddermeyer agencia brasil

Mega-Sena premia 28 apostas da Paraíba

Nilvan discute prioridades para os jovens de Santa Rita durante plenária

Nilvan discute prioridades para os jovens de Santa Rita durante plenária

mulher FOTO Pixabay

Homem é preso suspeito de agredir e ameaçar esposa com arma em Brejo do Cruz