Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

PF realiza Operação Caroá na região de Campina Grande

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

A Polícia Federal com o apoio da Polícia Militar-PB, desencadeou na manhã desta sexa-feira, 4, uma Operação Policial de combate ao tráfico de drogas, denominada “Operação Caroá”. O objetivo é realizar a prisão dos principais articuladores de uma organização criminosa que praticava tráfico de drogas, principalmente cocaína e seu derivado crack, em Campina Grande e região.

A investigação contra o grupo foi iniciada desde março de 2009 e parte dos criminosos já se encontra preso, restando apenas a prisão dos principais articuladores da organização que ainda se encontram na região.

Participam da operação policial, cerca 50 policiais federais, que cumprirão seis mandados de prisão preventiva e seis de busca e apreensão, expedidos pela 1ª Vara Judicial da Comarca de
Campina Grande.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Exaustão, sobrecarga… por que não reconhecemos os nossos limites?

‘Festa da Adoção’ tenta aproximar crianças e adolescentes de pessoas aptas a adotar

Anteriores

Karla Pimentel

Prefeita de Conde homologa concurso público

lucassegfuranca

São João de Campina Grande tem monitoramento por drones, ‘supercâmera’ e identificação facial

joao-pessoa-trem-cbtu-cabedelo-santa-rita-divulgacao

Trens urbanos param no feriado de Corpus Christi

WhatsApp Image 2024-05-29 at 17.24.13

Prêmio APCA homenageia Cláudia Carvalho, editora do Parlamento PB

Pesquisa-oculos-2

Procon-JP registra variação de mais de 71% no preço de óculos de sol em nova pesquisa

Comercio-Foto-Divulgacao-Secom-PB-2

Saiba o que abre e fecha em João Pessoa no feriado de Corpus Christi

noname

Campanha Eleitoral: advogado fala sobre uso de Inteligência Artificial e pedido de votos

IMAGEM_NOTA_CIDADA_MAIO_2024_1_OK

Nota Cidadã divulga os ganhadores do mês de maio

WhatsApp-Image-2024-01-19-at-10.42.22

Linhas de ônibus funcionarão nesta quinta e sexta, dias 30 e 31, com frota dos dias de sábado

Médicos Processo seletivo emergencial

Juíza condena Prefeitura de Bayeux a indenizar médica inocentada pelo CRM